O silêncio e o som da vida

A poluição sonora afeta não apenas a audição, mas também pode causar estresse e prejudicar a concentração. Mas nem sempre é fácil ficar em silêncio. Em silêncio ouvimos nós mesmos e a nossa respiração parece aumentar de volume, lembrando-nos do quanto cada inspiração é importante e do quanto a vida é frágil, como um sopro. Sempre tão estimulados por sons e mais sons, corremos o risco de não ouvir o que é mais importante. Então, no Dia do Silêncio, dedique um tempo para ouvir, em silêncio, o som da vida que Jesus oferece: “Quem ouve as minhas palavras e crê naquele que me enviou tem a vida eterna e não será julgado, mas já passou da morte para a vida. Eu afirmo a vocês que isto é verdade: vem a hora, e ela já chegou, em que os mortos vão ouvir a voz do Filho de Deus, e os que a ouvirem viverão” (Jo 5.24-25).

Oração: Deus, meu Pai, ajuda-me para que os ruídos que produzimos em nosso desespero por felicidade não me afastem do som da vida. Em nome de Jesus. Amém.

Leia em sua Bíblia João 5.19-29
Compartilhe #HoraLuterana

Saiba mais sobre o som da vida em www.horaluterana.org.br

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome