Pelotas Parque Tecnológico completa três anos

Coquetel reuniu autoridades (Foto: Vitória Leitzke/JTR)

Inovação, tecnologia, interação e conhecimento. Os pilares do Pelotas Parque Tecnológico estão cada vez mais solidificados. Completando três anos na última segunda-feira (16), um coquetel reuniu autoridades para, além de comemorar, inaugurar o Espaço Linha do Tempo e Galeria Empresas de Sucesso, homenagear a 1ª Gestão da TECNOSUL – 2016/2019 e acompanhar a apresentação do projeto do escritório da rede de incubadoras do Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSul), que passará a integrar o parque a partir do segundo semestre de 2020, com até quatro empresas.

Dentre as autoridades presentes, estavam a prefeita de Pelotas Paula Mascarenhas (PSDB), o presidente da Câmara de Vereadores, Fabrício Tavares (PSD), o secretário de Desenvolvimento, Turismo e Inovação (Sdeti), Gilmar Bazanella, o presidente da Associação Comercial de Pelotas (ACP), Mauro Bohm, o superintendente do Porto do Rio Grande e ex-presidente do Conselho do Parque, Fernando Estima, além do presidente da Fecomércio-RS, Luís Carlos Bohm, e os reitores Flávio Nunes (IFSul) e Pedro Hallal (Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Por mensagens de vídeo, o deputado federal Daniel Trzeciak (PSDB), o senador Lasier Martins (PSD) e o governador Eduardo Leite (PSDB) demonstraram apoio ao Pelotas Parque Tecnológico.

“Ver o Pelotas Parque funcionado, com 100% de ocupação, empresas graduadas e tudo que vem acontecendo aqui é a prova de que a união de esforços vale a pena. Poder público e privado juntos potencializam o desenvolvimento, e é uma grande alegria fazer parte desse momento de celebração”, destacou Estima.

Paula lembrou que a iniciativa era um sonho de 14 anos, oriunda da “ousadia” do prefeito Fetter Júnior (Progressistas). “Hoje é dia de festa e alegria”, disse.

“Estamos comemorando três anos com excelentes resultados, o primeiro e mais importante é a colaboração entre a instituição privada, as instituições de ensino e pesquisa e o governo, nós temos hoje 63 empresas participando, 267 empregos diretos, 638 empregos indiretos e 23 instituições participando ativamente no parque”, celebrou a diretora executiva do Parque, Rosani Ribeiro.

Segundo o reitor Nunes, o projeto de implantação no Parque estava sendo avaliado e estudado nos últimos dois anos. “Conseguimos criar um espaço aqui dentro e disponibilizar este espaço aos nossos estudantes do Campus Pelotas e Campus Pelotas-Visconde da Graça (CAVG), enfim, de toda rede dos 14 campi para que eles venham para cá desenvolver propostas, ideias, utilizar um pouco o seu potencial de criatividade para gerar tecnologia e poder daqui a pouquinho estar aí com empresas efetivas, startups, fazendo acontecer através da tecnologia e contribuindo com o trabalho com renda para Pelotas e a região como um todo”, frisou.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome