Pelotas: Nova rede de drenagem irá corrigir alagamentos na rua Gomes Carneiro

O investimento é de aproximadamente R$ 978 mil reais com recursos próprios do Sanep (Foto: Angélica Mengue/Assessoria de Imprensa)

A movimentação de maquinários e de tubulações de concreto nos últimos dias na rua Gomes Carneiro, tem alterado a rotina de moradores e de quem circula pela região do Porto, na principal via de acesso ao Campus Anglo da Universidade Federal de Pelotas (UFPel). No local, o Sanep executa uma obra que promete melhorar a situação da drenagem daquela área: a construção de uma nova rede pluvial, que se estenderá da lateral da Casa de Bombas da autarquia, na rua Silveira Calheca, até a rua Giuseppe Garibaldi. Os alagamentos históricos registrados darão espaço ao escoamento correto das águas através do sistema de bombeamento direto ao canal São Gonçalo.

Nesta semana, as equipes trabalham na construção de novas caixas de captação e na colocação das tubulações, que seguirão pela lateral da via na Gomes Carneiro até chegar à rua Garibaldi. O diretor-presidente do Sanep, Alexandre Garcia, visitou as obras e conversou com moradores que costumam enfrentar os alagamentos na região. Maurício de Freitas vive há 60 anos na rua Antero Vitoriano Leivas, onde possui um bar há aproximadamente 35 anos. Ele conta que os moradores já não acreditavam na solução do problema. “Vou até convidar os vizinhos para soltar uns foguetes aqui na rua. Vi a movimentação das máquinas e fiquei feliz de ver que nosso problema será solucionado. Tenho imagens do meu neto andando de caiaque aqui na rua nos dias de chuva forte, sempre acumulou muita água aqui. Na última chuva forte a água quase entrou no meu bar” afirma o morador, ao apontar a altura da água acumulada na parede da residência. Nos últimos anos os moradores da região adaptaram degraus, rampas e proteções às portas, para evitar que a água entrasse nas casas.

A nova rede terá cerca de um quilômetro de extensão. O trânsito de veículos ocorre em meia pista durante o período da obra. O investimento é de aproximadamente R$ 978 mil reais com recursos próprios do Sanep.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome