Zona Sul irá receber R$ 6 milhões em investimentos para estradas

Governo estadual anunciou R$ 60,65 milhões para recuperação de rodovias do RS. Foto: Arquivo/Itamar Aguiar/ Palácio Piratini
    • Com informações da Assessoria de Imprensa

Na segunda-feira (21), em transmissão ao vivo, o governador Eduardo Leite e o secretário de Logística e Transportes, Juvir Costella, anunciaram investimentos para a recuperação de rodovias em todas as regiões do Rio Grande do Sul.

Do total de R$ 60,65 milhões, serão R$ 23,1 milhões para pavimentação de estradas, R$ 28,25 milhões para recuperações de trechos, R$ 7 milhões para convênios com municípios e R$ 2,3 milhões para projetos e estudos de futuras obras.

De acordo com o governador, foi conseguido um aporte de recursos para o Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), com objetivo de viabilizar a conclusão ou, ao menos, o andamento assegurado. “Destacando que tudo que estamos anunciando hoje é porque tem verba garantida. Vamos retomar para não parar”, afirmou.

Serão, pelo menos, 28 rodovias que receberão intervenções, como obras de acessos asfálticos, conservação da pista, pavimentação e recuperação, incluindo estradas prejudicadas pelas fortes chuvas das últimas semanas. Há, ainda, mais três estradas que receberão valores para execução de projetos executivos e de estudos de viabilidade.

“Nosso principal foco é retomar obras e concluí-las. Afinal, esse é o desejo de todo mundo, desde o Daer até as nossas comunidades que sonham com acessos asfálticos, com estradas de qualidade para trafegar e escoar a produção. Além disso, estamos viabilizando projetos de obras que têm caráter estratégico para algumas regiões do nosso Estado”, explicou o secretário Costella.

Participaram do anúncio, também, o chefe da Casa Civil, Otomar Vivian, e o diretor-geral do Daer, Luciano Faustino.

Apoio à pavimentação
O governador também anunciou que o Estado está estruturando um programa de apoio à infraestrutura urbana a ser executado nos próximos anos.

Antes disso, a gestão estadual quer quitar os convênios existentes e que estão pendentes. O governo já havia aportado R$ 10 milhões, que estão no orçamento do Daer deste ano, e hoje anunciou mais R$ 7 milhões.

Conclusão do acesso asfáltico a Cerrito
Dentre as estradas contempladas com o recurso está a retomada da obra de conclusão do acesso asfáltico a Cerrito. A previsão é investir R$ 2 milhões para concluir os três quilômetros que restam da ERS-706.

A obra está em fase de licitação, com previsão de iniciar ainda em 2020. Serão complementados os recursos necessários no orçamento de 2021 para a conclusão da obra. Já estão programados R$ 200 mil de recursos da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide).

Pavimentação no acesso que liga Pinheiro Machado a Pedras Altas
Outro anúncio feito pelo governador que beneficiará a região é o asfaltamento de 11 quilômetros da ERS-608 – Km 0 ao Km 11 –, que liga Pinheiro Machado a Pedras Altas, que tem uma extensão de 36 quilômetros.
Para a recuperação da via, serão investidos R$ 4 milhões.

Acesso a Rio Grande
O governador assinou um decreto que permite a empresas privadas de Rio Grande pagarem a obra da duplicação da ERS-734, no trecho entre o Trevo e a Junção. Em troca, elas terão abatimento no Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) devido ao Estado.

O projeto está sendo readequado pelo Daer, para que a obra custe menos. Parte significativa do dinheiro poderá vir da Refinaria Ipiranga e do Grupo Guanabara. O restante do dinheiro está sendo viabilizado junto a lideranças empresariais que fazem parte do Aliança Rio Grande.

A duplicação da ERS-734 qualificará o acesso a Rio Grande e acabará com um gargalo no trânsito da cidade, como também para a praia do Cassino.
Paralelamente, a empresa Magna está readequando o projeto para retirar as ruas laterais. Com isso, estima-se redução de R$ 50 milhões para R$ 30 milhões no custo desta obra no projeto atual de duplicação da rodovia.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome