Vacina, barragem Santa Bárbara, visão e candidatura

Vacina

Na última quarta-feira, Pelotas começou a vacinação do público com 18 anos ou mais. Entre 17h e 21h foram vacinados aproximadamente 800 jovens. A previsão é de que, antes do final do ano, todos os pelotenses maiores de idade estejam com as duas doses da vacina. Lembrando que a vacina da Janssen é dose única e dispensa segunda dose.

Vacina II

O Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou, em entrevista coletiva na última quarta-feira (25), que o Brasil irá aplicar a terceira dose da vacina em idosos com mais de 70 anos.

Pesquisas apontam que nesse público a imunidade começa baixar 6 meses após a vacinação. Esse é o motivo da terceira dose, que poderá ser de outro imunizante, diferente das duas primeiras doses. Segundo o Ministro, a maioria da população receberá a terceira dose da Pfizer.

Barragem Santa Bárbara

A chuva, que alcançou 160 milímetros em seis dias, recuperou o nível da barragem Santa Bárbara, fazendo a água ultrapassar o vertedouro. A natureza tem enviado vários avisos aos gestores públicos, tanto do SANEP, quanto à prefeita Paula Mascarenhas, e mesmo assim, muito pouco está sendo feito para acelerar a conclusão das obras da ETA São Gonçalo.

Basta andar por Pelotas que veremos dezenas de construções. São novas moradias, grandes condomínios, todos em ritmo acelerado. Na contramão desse desenvolvimento e da geração de empregos na construção civil, está o poder público e sua lentidão na execução de obras de infra-estrutura.

Barragem Santa Bárbara II

Aqui na coluna, devido ao longo período sem chuvas, alertamos para possíveis racionamentos nas edições de fevereiro e junho de 2020. Este colunista e o diretor do Jornal Tradição Regional, Adilson Kems Cruz, caminharam no centro da barragem Santa Bárbara, quando esta passava por uma seca nunca vista nas últimas décadas.
Passados um ano e meio, continuamos a cobrar do SANEP e da Prefeita uma resposta sobre as obras da ETA São Gonçalo.

Visão

Na última quarta-feira (25), o oftalmologista Roberto Magno Nunes, diretor da Clínica Visão, na capital do estado, em entrevista a este colunista na Rádio Tupanci, fez um alerta sobre o tempo de exposição de jovens e adultos diante das telas de celulares, computadores ou tablets.

Como muitas pessoas passaram a trabalhar em casa, o tempo diante do computador, do celular ou de outros dispositivos aumentou. Em razão desses novos hábitos, trazidos pela pandemia, fomos buscar aconselhamento de um profissional da área. Nunes aconselha que: a cada hora de exposição, a pessoa deve descansar no mínimo 15 minutos olhando para o infinito. Outra informação importante é não manter o olhar fixo sem piscar, pois piscar auxilia na lubrificação do globo ocular. Por fim, o oftalmologista aconselha que pais e mães levem seus filhos para consultas regulares com um oftalmologista, independente da idade, para que haja o devido acompanhamento.

Candidatura

Em entrevista a este colunista, no Programa Hora Marcada na Rádio Tupanci, o ex-reitor da UFPel, Pedro Hallal, confirmou que será candidato ao Senado por algum partido de centro-esquerda. Convidado a ser candidato a vice-governador, Hallal disse que este não é o seu lugar e afirma que deseja que o Senado Federal tenha um representante da ciência, por isso, possivelmente será candidato.

 

 

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome