Pelotas vacina mais de 1,7 mil pessoas no feriado de Corpus Christi

Imunização de pessoas com comorbidades definidas e pacientes com deficiência permanente de 18 a 59 anos (Foto: Michel Corvello/Prefeitura)

Grupo prioritário que inclui pessoas com comorbidades e pacientes com deficiência permanente, com ou sem o BPC, receberam o imunizante contra à Covid-19 nos bairros

Nesta quinta-feira (03), feriado de Corpus Christi, mais 1.738 pelotenses foram imunizados com a vacina AstraZeneca contra o coronavírus em Pelotas. Desta vez, a proteção foi destinada ao público com comorbidades definidas no Plano Estadual de Vacinação e a pessoas com deficiência permanente, com ou sem o BPC, de 18 a 59 anos.

No auditório do Colégio Pelotense a procura foi intensa desde o começo da manhã, totalizando 413 vacinados até as 15h. O mesmo aconteceu no CTG, Raízes do Sul, no Fragata. Por volta das 11h cerca de cem pessoas já haviam se vacinado. Uma delas foi dona Ana Gláucia do Nascimento de 52 anos, e que há anos sofre de hipertensão. “Estou muito feliz! Eu trabalho no comércio tenho esse problema então estava aguardando essa vacina. Agora bem mais aliviada”, comentou Ana.

Quem também comemorou a vacina e registrou o momento foi a dona de casa Suzana Grilo. “Se a vacina é o que se tem pra melhorar, pra evitar a gente tem que tomar para o bem da gente”, conscientizou.

A vacinação continua nos próximos dias direcionada aos professores e profissionais da educação conforme o calendário programado.

Drive-thru – Centro de Eventos, das 9h às 17h.

Sexta-feira (04) –  vacinação para profissionais da Educação – professores do 3º ao 5º anos do Ensino Fundamental

Sábado (05) – vacinação para profissionais da Educação – professores do 6º ao 9º anos do Ensino Fundamental;

Segunda-feira (07) – professores do Ensino Médio, Profissionalizante, EJA, além dos profissionais do administrativo e apoio.

IFSul – Praça 20 de Setembro – das 9h às 17h – entrada pelo estacionamento

Terça-feira (08) – todos os grupos acima que não puderam ir no drive

Documentação

– Documento de identidade

– Comprovante de residência

– CPF ou Cartão SUS

– Declaração-padrão fornecida pela escola onde o profissional atua. O modelo do documento está disponível no hotsite do coronavírus da Prefeitura, na aba “Declaração – Vacina Profissionais Educação” e deverá ser impresso em papel timbrado da instituição.

O que diz a SMS

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que é preciso aguardar um intervalo mínimo de 14 dias entre a aplicação da vacina contra a Covid-19 e qualquer outro imunizante, incluindo o que protege da gripe, para garantir a imunização correta.

Além disso, as pessoas que apresentarem sintomas gripais não devem comparecer na data marcada. O mesmo vale para quem tiver positivado para o coronavírus. É preciso aguardar 30 dias do início dos sintomas para proceder com a aplicação.

 Não esqueça! Seguem as arrecadações no drive-thru.

A prefeitura reforça ainda que a campanha de arrecadação de donativos prossegue no drive-thru, no Centro de Eventos, onde podem ser doados:

alimentos/ higiene – alimentos não perecíveis como leite, arroz, feijão, massa, além de produtos de higiene e limpeza.

agasalho – também podem ser doados roupas e calçados. É preciso estar atento à qualidade das peças enviadas para doação, pois as que não tiverem condições de uso serão descartadas. 

ração animal – outra opção para quem quiser é a doação de um pacote de ração animal que será destinado ao Canil e ao Gatil municipais, às protetoras e às famílias carentes que tenham animais sob sua tutela.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome