Para pensar

Em vez de pensar no emprego, pense no trabalho. Trabalho é outra coisa. É risco, responsabilidade, compromisso. É dar a cara a tapa para bater, romper barreiras, furar bloqueios. É pensar alternativas, propor soluções e contribuir para que os resultados apareçam. Quem pensa em emprego, ao invés de trabalho, não se fixa em lugar nenhum. Quem pensa em trabalho no lugar de emprego tem sempre uma vaga a sua espera.

Os cavalos do tempo
Os cavalos do tempo
galopam pela colina.
Trazem a manhã no lombo
e cerração nas narinas.

Os cavalos da ventania
enlouquecem o rodeio.
Galopam em desatino
com a morte nos arreios

Os cavalos da lua
– sobre os arreios de prata –
galopam as moças nuas
que se banham nas cascatas.

Os cavalos da chuva
galopam pelos telhados.
E arrastam seus pelegos
pelas sangas e banhados.

Os cavalos da noite
com seus longos ponchos pretos
trazem nuvens na garupa
e as estrelas a cabresto.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome