Jesus entende a nossa fragilidade

Hora Luterana.

São várias as situações da vida que denunciam como somos frágeis. Uma delas é a ameaça da “dengue” que simplesmente colocou o Rio Grande do Sul em estado de alerta. Uma pesquisa divulgada no início de 2022 já mostrava que 90% dos municípios gaúchos estavam infestados pelo mosquito Aedes Aegypti. Neste início de ano já temos relatos de óbitos por causa desta doença, e esperamos ansiosos pela vacina. Doenças como esta mostram como nosso corpo é sensível. Jesus em certa ocasião foi chamado por seu discípulo Pedro para socorrer um familiar seu.

Nos conta o evangelista Marcos: “A sogra de Simão estava de cama, com febre. Assim que Jesus chegou, contaram a ele que ela estava doente. Ele chegou perto dela, segurou a mão dela e ajudou-a a se levantar. A febre saiu da mulher, e ela começou a cuidar deles”. (Marcos 1.30-31) A cura realizada por Jesus ilustra a cura que realizou em nosso favor para nos livrar da maior de todas as doenças: o pecado. Por causa do pecado, precisamos enfrentar doenças hoje, dores e todos os tipos de males, como a dengue. Porém a promessa do Salvador é de salvação eterna. Enquanto aqui estamos, lembremos de que Ele, Jesus, entende nossa fragilidade, e em oração, procuremos seu amparo e proteção.

Pastor Valdir Lopes Junior
Igreja Luterana da
Redenção – Pelotas, RS.
www.horaluterana.com.br

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome