Pelotas: Mérito Tradicionalista é entregue pela Câmara Municipal

Em 2022, os agraciados foram Bruno Ludke e Celso Moura. (Foto: Gabriel Xavier)

A noite do dia 15 foi marcada por homenagens e reconhecimento às tradições gaúchas. Mérito Tradicionalista, lei municipal número 3.336, de 1989, é a honraria entregue pelo poder legislativo para reconhecer àqueles que cultuam e contribuem diariamente com a cultura do Rio Grande. Os nomes, indicados e aprovados pelo Movimento Tradicionalista Gaúcho e pela 26a Região Tradicionalista, recebem a medalha João Simões Lopes Neto, pelotense que, mesmo em memória, mantém vivo nos tradicionalistas o amor pelo estado. Em 2022, os agraciados foram Bruno Ludke e Celso Moura.

O presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Tradicionalismo, Cultura e Manifestações Populares e patrono da Semana Farroupilha, vereador Paulo Coitinho (Cidadania) entregou a medalha a Bruno Ludke. Sócio mais antigo do CTG Thomaz Luiz Osório, sua história com a tradição começou em 1974. Ludke é músico reconhecido de bandoneon e participou do antigo FEGART, em 1978, e ENART, obtendo colocações de primeiro e terceiro lugar nas competições. O homenageado foi membro de patronagens, sócio dos CTGs Os Farrapos e Cancela Grande, de Morro Redondo.

“Me sinto surpreso e emocionado. Agradeço a todos por essa homenagem que marca minha vida dentro das tradições gaúchas”, disse Ludke.

Em sua fala, Coitinho lembrou o ano de 2013, quando ocupava o cargo de chefe de gabinete da presidência e incentivou a criação do Departamento de Tradições Gaúchas na Câmara Municipal.

“Temos uma história de respeito e muito trabalho por nossa cultura. Após dois anos sem comemorações devido à pandemia da Covid-19, retomamos este ano com muito orgulho. Nesta noite festiva, vejo famílias, pais e mães passando de geração para geração a importância e o amor pelo tradicionalismo”. O parlamentar destacou seu projeto de lei aprovado por unanimidade em plenário que permite a inclusão do conteúdo sobre tradicionalismo nas escolas municipais.

Celso Moura, outro homenageado, recebeu a medalha João Simões Lopes Neto e lembrou sua história.

“Minha trajetória no CTG começou muito cedo, fui patrão, pertenci ao conselho e sempre procurei ajudar as invernadas quando solicitado. Amamos o tradicionalismo. Fui pego de surpresa com essa homenagem e estou muito feliz e agradecido a todos que se fazem presente – minha família, meus filhos e meus colegas de invernada”, agradeceu.

Prestigiaram a noite de homenagens o presidente da Câmara, vereador Marcos Ferreira (sem partido), os vereadores Cristiano Silva (União Brasil), Carla Cassais (PT), Míriam Marroni (PT), Jurandir Silva (PSOL), Fernanda Miranda (PSOL), o prefeito em exercício, Idemar Barz (PSDB), coordenador da 26a Região Tradicionalista, Márcio Adir Corrêa, comandante do 9° Batalhão de Infantaria Motorizada, Coronel Azambuja, comandando do CRPO-Sul, Coronel Gogia e o patrão do CTG João Simões Lopes Neto, Ronoaldo Jr.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome