Cirurgias bucomaxilofaciais encerram o ano em Morro Redondo com fila de espera zerada

Os atendimentos são realizados integralmente no Sistema Único de Saúde (SUS). (Foto: Diones Forlan/JTR)

No encerramento do ano, como forma de prestação de contas à comunidade, o cirurgião buco facial Dr. Ângelo Ozelame e a auxiliar de saúde bucal Gislaine Furtado, repassaram para a administração municipal de Morro Redondo, os dados das cirurgias bucomaxilofaciais  realizadas ao longo do ano. Novamente a fila de espera foram zeradas para cirurgias de Boca ou de Face, tais como remoção de sinais e lesões de face, bem como extrações de sisos e outras.

Procedimentos realizados de fevereiro até novembro deste ano

Ambulatório de Cirurgias de Boca: foram submetidos 85 pacientes com a realização de cerca de 180 procedimentos.

Ambulatório de Cirurgias Faciais: foram submetido 61 pacientes com aproximadamente 150 procedimentos cirúrgicos.

Destes, 10 pacientes foram diagnosticados com câncer de pele, sendo oito resolvidos no próprio ato cirúrgico. Os pacientes que passaram por cirurgia seguem em acompanhamento,  enquanto os demais foram encaminhados para o tratamento continuado conforme referência.

Segundo o cirurgião, é possível procurar o serviço de saúde em casos de: lesões de pele na face, remoção de sinais, correção de cicatrizes, correções de orelha, biópsias de lesões que não cicatrizam na face, lesão nas pálpebras, remoção de verrugas, traumas e acidentes em geral, dentre outros.

Ozelame também ressalta outros procedimentos cobertos pelo ambulatório de cirurgia bucal, como extrações dentárias complexas, extrações de sisos múltiplas, biópsias de lesões, frenectomia, demais lesões de boca, além de problemas oriundos de sinusite, dores de garganta, disfunções de articulação mandibular e suas consequências como dores de cabeça recorrentes, zumbidos nos ouvidos, estalos ao abrir e fechar a boca, neuvralgia do trigêmeo e labirintites.

Os atendimentos são realizados integralmente no Sistema Único de Saúde (SUS) e contribuem ainda mais para a universalização do serviço.

O cirurgião agradeceu o incentivo recebido em nome do executivo municipal ao prefeito Municipal Rui Brizolara (União Brasil) e a secretária de saúde e assistência social Silvia Wahast Islabão, ao presidente do Hospital Dr Ernesto Mauricio Arndt, Altair Faes e das diretoras Liane Arndt e Elisa Arndt, pelo apoio para a realização dos procedimentos e pela manutenção dos serviços no município.

Confira

Os atendimentos são feitos no Hospital todas as terças-feiras às 16h por ordem de chegada sem limite de fichas, porém deve-se levar junto o cartão do SUS. No local é feita a avaliação do paciente e posterior agendamento para o procedimento. Em 2023 retornarão os atendimentos na última semana do mês de janeiro.

Informações podem ser obtidas pelos telefones (53)32240076 ou (53)981342959 whatsapp.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome