Abertura da 13ª Semana da Consciência Negra é realizada em Jaguarão

Abertura oficial contou com debate realizado na terça-feira (16). (Foto: Divulgação)

Com o objetivo de discutir políticas públicas da causa negra em Jaguarão, na noite de terça-feira (16) ocorreu a abertura oficial da 13ª Semana da Consciência Negra.
Com o slogan, “Somos as folhas dos baobás: olhar o futuro e reconhecer o passado”, a ocasião, contou com a formação de mesa das autoridades, com depoimentos que destacaram a importância da data no município.

O evento foi realizado pelo Clube 24 de Agosto em parceria com o Poder Legislativo, Ile Mãe Nice De Xangô, Neabi Unipampa e coletivos dos movimentos negros da cidade.

Em sua fala, a professora da Unipampa, Silvana Gritti, afirmou que a semana é mais do que um evento, mas o momento de ação e resistência da comunidade antirracista, que luta pela igualdade social e o processo de libertação.

O vereador Cristiano Cardoso (Cidadania), ressaltou que a realização da semana é uma vitória. “Com certeza o céu é o limite para a realização dos sonhos de todos envolvidos na causa. Não estamos aqui realizando uma festa, e sim na realização da conscientização. Educar aqueles que estão aqui e precisam do respaldo, do apoio, e essa semana proporciona isso para essa comunidade que precisa de informação. Educar a criança para que não se precise punir o homem”, disse.

O presidente do Clube 24 de Agosto, tradicionalmente conhecido como o marco da luta antirracista, Neir Madruga destacou, em sua fala, as diversas atividades que a entidade vem realizando.

“O movimento Mulheres em Ação está sendo incansável no apoio aos mais vulneráveis, com distribuição de cestas básicas e refeições. Muita gente lutou bravamente para que os editais de cultura, que vieram a partir da Lei 14.017/2020 proposto pela deputada negra Benedita da Silva, chegassem aos atores culturais que têm na sua sobrevivência a necessidade do público. Em Jaguarão, destacamos a atuação de Ialorixá Nice D’Xangô no Conselho Municipal de Políticas Culturais, uma referência de atuação política em nossa comunidade”, afirmou.

Por fim, Madruga disse que a entidade, através de muitos colaboradores e parceiros, entre eles, o NEABI Mocinha (Unipampa), lançou o site dos Clubes Sociais Negros do Brasil-
Uruguai. As atividades da semana acontecerão até o dia 30 de novembro.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome