Homem é preso suspeito de tentar matar a ex-companheira e as duas filhas dela em Capão do Leão

Ele deve responder por tentativa de feminicídio e duplo homicídio. Editoria de Polícia. (Foto: Reprodução)

Um homem de 43 anos foi preso preventivamente em Pelotas, nessa quarta-feira (24), por tentar matar a ex-companheira e as duas filhas dela, em Capão do Leão.

A ex-companheira procurou a Delegacia de Polícia (DP) para comunicar dos crimes na segunda (22). De acordo com a mulher, o suspeito teria jogado gasolina na residência em que ela dormia com as duas filhas, de 15 e 20 anos, e ateado fogo durante a madrugada. Na ocasião, os vizinhos ajudaram a apagar o incêndio.

O delegado Sandro Bandeira representou no Poder Judiciário pela prisão preventiva do homem. Ele foi capturado pelos agentes na casa onde mora no bairro Navegantes II, em Pelotas.

Com ele, foram encontrados dois galões de combustível. A polícia acredita que o suspeito planejava realizar um novo ataque.

Após os procedimentos de praxe, o preso foi encaminhado ao Presídio Regional de Pelotas (PRP), onde ficará à disposição da Justiça. Ele deve responder por tentativa de feminicídio e duplo homicídio.

A DP de Capão do Leão disponibiliza o telefone (53) 3275-1005 para denúncias sobre crimes no município. O anonimato é garantido.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome