Arroio Grande apresenta dados da semeadura de arroz

Semeadura do arroz. (Foto: Divulgação/Irga)

Entre os sete maiores produtores de arroz do Rio Grande do Sul, no município de Arroio Grande já acontece a semeadura de mais uma safra. Com os olhos voltados para a situação climática, o processo é considerado devagar, alcançando a marca de 34,6% da área prevista semeada, o equivalente a 11.241 hectares, de acordo com o levantamento realizado pelo Instituto Rio-grandense do Arroz (Irga).

Devido aos dias consecutivos de chuva com registros de acumulados consideráveis no início do mês de outubro, diminuiu a janela de plantio, fato que tem ocorrido nos últimos anos, o que requer uma adaptação dos produtores no processo de semeadura.

Segundo informações apresentadas pelo Irga em relação à intenção de plantio para 2020/2021, a cidade sai de uma área semeada de 30.263,24 hectares semeadas em 2019 para uma intenção de 32.528 hectares, um aumento de 7,5%. Em relação aos produtores, 27% devem diminuir a área semeada, 17% poderão manter, 41% sinalizam aumento e 6% não devem plantar. Também, os dados mostram que 9% dos produtores são novos na atividade.

Além disso, Arroio Grande tem índice de 66% de preparo antecipado. Das áreas que apresentam rotação entre arroz e soja, no ano passado registrou-se 15.363,25 hectares, com intenção para essa safra de 19.925 hectares, sendo o aumento de 29,7% da área em rotação.

Ainda, 17% dos produtores devem diminuir a área em rotação, 6% permanecem com a mesma área, 53% devem aumentar e 24% são novos que adotam o sistema de rotação.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome