Em meio à pandemia, Arroio do Padre celebra 24 anos sem a tradicional Festa do Caqui e da Maçã

Prefeito Leonir Aldrighi Baschi e o vice-prefeito Nelson Milech (Foto: Arquivo/JTR)

Inicialmente de São Lourenço do Sul, passando, em 1890, para o município de Pelotas, Arroio do Padre se emancipou no dia 17 de abril de 1996. A colônia alemã, que tem vocação agro-pastoril e como principal produção o tabaco, cultiva também hortaliças, soja, milho, gado leiteiro e criação de frangos, porém, o destaque atual é o caqui e a maçã.

Ambas as frutas dão o nome da maior festa do município, a Festa Municipal e Festa Regional do Caqui e da Maçã, que acontece em abril, junto às comemorações de aniversário do município, recebendo um grande número de visitantes, que prestigiam a cultura germânica da comunidade. Entretanto, assim como em todo o mundo, 2020 está sendo um ano atípico para o município. Com a medida de isolamento social em vigor, por conta do novo coronavírus, este ano, as festividades em comemoração aos 24 anos do município vão ter que ficar para depois.

Segundo o prefeito, Leonir Aldrighi Baschi (DEM), junto ao vice-prefeito Nelson Milech (PTB) e sua gestão, o Executivo tinha feito uma programação para 2020, pensando, principalmente, no cuidado com os encaminhamentos, tendo em vista que é um ano de eleições e a Lei Eleitoral interfere em algumas ações. “Agora surgiu o coronavírus e parou o nosso planejamento, como a reforma no prédio do CRAS, na biblioteca, no posto de saúde, além de termos dado uma segurada em algumas compras, pois pensamos que, por sermos uma região fria, vamos atingir o pico da doença quando a temperatura diminuir, entre maio e julho. Espero que eu esteja errado, mas temos que nos preparar para isso”, afirma o prefeito.

“Fizemos um decreto por 30 dias de calamidade pública. A prefeitura está atendendo apenas o essencial, de portas fechadas e por telefone. Estamos entre Pelotas, Canguçu e São Lourenço do Sul, não podemos fugir dos decretos deles, somos uma ilha dentro do município pelotense e temos que acompanhar os decretos dele. Fizemos uma reunião dos prefeitos da [Associação dos Municípios da Zona Sul] Azonasul para fazermos decretos parecidos e não fugir um do outro, então estamos tomando todos os cuidados”, ressalta Baschi.

Por ser uma área predominantemente agrícola, Arroio do Padre ainda não tem casos suspeitos e nem confirmados de coronavírus, mas mesmo assim, o Executivo está mantendo rígida a manutenção das medidas, para não haver reversão no cenário. “O pessoal está se mantendo muito firme, principalmente a equipe médica que está atendendo por telefone, é uma pena não podermos fazer a festa, mas deixei a todas as comunidades o aviso que, passando essa pandemia, a festa sairá, mesmo que seja no final do ano, sabemos que não é fácil, mas o povo tem que entender e está fazendo isso”, destaca o governante.

E acrescenta. “A vida é mais importante que uma festa, a festa temos tempo para fazer, mas se ficarmos doente não adianta. E que possamos estar, logo, todos felizes e com saúde para a próxima festa”.

Outro problema que atinge o município, bem como a região, é a estiagem, que preocupa Baschi. “Faz cinco meses que não chove, só uns pingos, uma garoa, estamos atendendo quase 100 casas através de uma camionete com bolsa de água para distribuir, além da construção de mais de 100 cacimbas”, comenta o chefe do Executivo municipal.

Arroio do Padre ainda não sofre com a falta de água, devido à construção de uma barragem, mas o nível d’água vem baixando cada vez mais. “Se o morador tem caixa d’água, nós levamos com as bolsas de água 500 litros para um, mil litros para outro, estamos conseguindo evitar o racionamento, mas está difícil”, desabafa o prefeito.

Apesar da crise financeira estadual e federal, o município fechou o caixa com fôlego no último ano, devido ao aproveitamento de recursos recebidos, contenção de gastos entre as secretarias e também o controle na folha de pagamento.“Todos os anos renovamos a frota da Saúde, este ano compramos um carro para a Educação e outro para a Administração.

Além disso, este ano demos um aumento de 5% na folha de pagamento, que talvez para os funcionários não seja bom, mas dentre outras prefeituras, é um dos melhores reajustes na folha salarial”, comemora Baschi.

A atual gestão é composta pelas secretarias de Administração, Planejamento, Finanças, Gestão e Tributos, tendo o secretário Loutar Prieb como responsável; de Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento, tendo o secretário Rafael Rutz como responsável; de Educação, Cultura, Esporte e Turismo, tendo o secretário Daniel Rocha como responsável; de Obras, Infraestrutura e Saneamento, tendo o secretário Charles Bonow como responsável; e de Saúde e Desenvolvimento Social, tendo como responsável a secretária Letícia Zehetmeiyer.

Confira as ações realizadas por cada secretaria em 2019/2020

Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento

Foto: Divulgação

A Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento está estruturada junto ao prédio da Administração, com atendimento ao público em diversas áreas, sendo elas administrativas e profissionais onde são prestados serviços nas propriedades rurais através de uma engenheira agrônoma e um médico veterinário. Também exerce o controle da patrulha agrícola, que está estabelecida junto ao galpão de máquinas, onde tem sua base para prestar diversos tipos de serviços aos agricultores para assim melhorar suas lavouras e, consequentemente, aumentando sua produtividade e renda.

Ela realiza, desde 2013, a gestão do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), modalidade compra direta com doação simultânea. No último ano, a prefeitura em parceria com as secretarias, trabalha com o objetivo de garantir a segurança alimentar de famílias em situação de vulnerabilidade social, cadastradas pelo Centro de Referência de Assistência Social e de fornecer alimentos para as Escolas da rede pública presentes no município.

O PAA também desempenha importante função por promover a inclusão social e econômica no campo por meio do fortalecimento da agricultura familiar local, pois os alimentos são adquiridos diretamente por agricultores familiares do município. Entre os alimentos fornecidos pelos agricultores estão brócolis, couve-flor, repolho, beterraba, batata-doce, tomate, morango, cebola, abóbora, bergamota, alface, feijão-preto. Neste ano, o valor do repasse foi de, aproximadamente, R$ 80 mil.

Na Consulta Popular 2019, o município foi contemplado com R$ 40.978,92, para o Desenvolvimento Rural, que beneficiou 50 produtores de Arroio do Padre com insumos agrícolas, com intuito de melhorar e fortificar as produções, que estão sendo finalizadas neste ano. Também na Consulta Popular 2019, a cidade foi contemplada com R$ 53.440,00 para compra de equipamentos para agroindústria.

A secretaria também promoveu excursões para que os produtores visitassem propriedades de produtores de morango, buscando novas tecnologias já implantadas e que possibilitam uma produção significativamente maior, quando comparada à produtividade quantificada no município e com uma amplitude também maior de produção no espaço de tempo produtivo. Esta visita motivou alguns produtores, a partir do conhecimento adquirido, a construção de estufas semelhantes às encontradas, onde estão aplicando os conhecimentos de manejo e adaptando a colheita em Arroio do Padre, conforme estas tecnologias.

Além disso, a pasta foi contemplada, através de Emenda Parlamentar, com a verba para compra de novos implementos para a Patrulha Agrícola municipal, no valor de R$ 97,5 mil. Os implementos adquiridos foram uma roçadeira articulada, um distribuidor de calcário e uma grade aradora. Também neste ano, foram distribuídas 300 sacas de semente de milho safra e safrinha, beneficiando, aproximadamente, 270 produtores rurais do município através do Programa Troca-Troca.

Pensando no meio ambiente, a secretaria realiza anualmente a Semana do Meio Ambiente, juntamente a outras secretarias municipais, com programação de diversas atividades como, palestras, distribuição de mudas de árvores e educação ambiental. O objetivo principal é de conscientizar a população quanto à necessidade da preservação ambiental a partir da racionalização dos resíduos e respeito à natureza.

Agregando à consciência ambiental, foi realizada pelo terceiro ano, em parceria com a empresa Natusomos, a coleta de lixo eletrônico no município, sendo previsto o próximo recolhimento para outubro ou novembro deste ano, assumindo desta forma, a responsabilidade pública para com o meio ambiente e a população.

Além dessas ações, outras foram realizadas, como o serviço de Patrulha Agrícola nas propriedades rurais, onde foram executadas, em torno de 1,2 mil horas com trator agrícola e 800 horas de retroescavadeira; a distribuição de cerca de 4 mil sacas de calcário e R$ 140 mil em cheque incentivo pelo talão de produtor modelo 4, destinado à compra de insumos; sorteios de brindes através das notas fiscais impressas no comércio local, pelo programa “Paguei Preciso a Nota”; e através do programa “Desenvolver Arroio do Padre”, foram beneficiados dez produtores com a construção de estufas para produção de hortifrutigranjeiros e pequenos frutos, como o morango.

Estiagem

Foto: Divulgação

A forte estiagem que assolou o município e o restante do Estado do Rio Grande do Sul, reduzindo severamente a produtividade agropecuária, foi mediada em Arroio do Padre, com a soma de esforços entre os profissionais, produtores e população em geral, para que os efeitos fossem amenizados através de medidas técnicas como a abertura de poços e a distribuição de água por caminhões-pipa, que possibilitaram abastecer a população necessitada, além da conscientização da população para evitar o desperdício de água.
Por fim, a prefeitura vem buscando alternativas para prevenção das estiagens no futuro com a regularização e licenciamento de novas Estações de Tratamento de Água (ETAs).

Obras, Infraestrutura e Saneamento

A Secretaria de Obras, Infraestrutura e Saneamento passou a ampliar o Cemitério Público, que agora passa a contar com mais gavetas e também ossuário. A pasta também investiu em novas pontes e novos tubos de concreto para evitar transtornos em vários pontos do município. Além disso, a rede pública de abastecimento de água conta com uma ETA, promovendo água potável à população.

Outros serviços, como roçadas, patrolamentos e cascalhamento em todas as vias públicas vem sendo feito. Uma nova cascalheira foi licenciada, nos arredores da Colônia Sítio, com o intuito de atender as estradas daquela região.

Administração, Planejamento, Finanças, Gestão e Tributos

Em 2019 foram elaborados projetos que alteraram a delimitação do perímetro urbano, o qual passou a ser totalmente georeferenciado. Foi alterado também o cálculo do Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) de lotes em zona urbana. Uma nova lei também estabeleceu a denominação das ruas e estradas no município. Foram contempladas as ruas e estradas já denominadas anteriormente, que tiveram sua descrição melhorada e aquelas que ainda não tinham denominação, chegando-se com as novas medidas denominar 100% das vias públicas municipais.

Foi aprovado também pelo legislativo municipal, um projeto de lei que autoriza a municipalização de parte da ERS-737, com a finalidade de proporcionar uma melhor urbanização do município. Foram estabelecidas, em lei municipal, regras locais para regularização fundiária urbana. Ainda no mesmo ano, a secretaria foi responsável pelos processos de compra, contratações e por todos os projetos de lei encaminhados à Câmara de Vereadores, assim como responsável pela realização das audiências públicas realizadas pelo Poder Executivo.

Em 2020 deverão ser adotadas providências para implantação de melhorias em diversos prédios e instalações, estão previstas a mudança do departamento de pessoal e reforma do antigo prédio da Escola Visconde de Ouro Preto, que é da administração e vai permitir a readequação de diversas atividades municipais.

Educação, Cultura, Esporte e Turismo

Foto: Divulgação

O ano letivo da rede municipal, em 2020, teve início no dia 17 de fevereiro, com encontros e palestras educacionais e motivacionais para professores e funcionários da educação. E, em mais um ano, a pasta é parceira do programa “A União Faz a Vida”, uma iniciativa de responsabilidade social do Sicredi, que tem objetivo de promover práticas de educação com foco nos princípios da cooperação e cidadania.

Outras atividades foram proporcionadas através de parcerias, como a “Cuidar do Presente e Preservar o Futuro”, com a Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento; e o projeto de “Educação Sanitária”, em conjunto com a Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Irrigação, a ser realizado durante o ano letivo de 2020. No último ano, a Escola Benjamin Constant realizou, pela primeira vez, o Programa Educacional de Resistência às Drogas (PROERD), junto à Brigada Militar.

A secretaria trouxe, em setembro, a “Noite Gaúcha”, que visa o tradicionalismo como um estado de consciência, buscando preservar a cultura, com chimarrão oferecido aos visitantes, mostra de trabalhos e apresentações culturais e artísticas. Além deste, outro projeto criado em 2019 é o “Mão Na Massa”, com a intenção de resgatar as preparações culinárias de família, ler receitas, trabalhar em equipe e matemática (pesar, medir, fracionar ingredientes). Os alunos participantes chegaram a receber convite para conhecer a Faculdade de Gastronomia da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), realizaram uma oficina de culinária na Fenadoce e foram contemplados com uma parte da verba do fundo social do Sicredi.

No ano passado, alunos das Escolas Municipais de Ensino Fundamental (EMEFs) Benjamin Constant, Rio Branco e Silveira Martins participaram da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR). Quatro alunos do município foram destaques nas Faixas Ouro e Bronze Nacional e dois foram Medalha Honra ao Mérito Estadual.

No esporte, em 2019, foi realizado o 2º Campeonato de Futsal do município, organizado pela prefeitura e as equipes participantes, tendo um público maior do que no ano anterior, além de um maior número de equipes, que passou de 10 para 12. A equipe campeã foi o Primasul e a vice-campeã o Borrusia, além da grande final ter tido um público estimado em mil pessoas.

Equipe Primasul (Foto: Divulgação)

Além do futsal, foram realizadas etapas de ciclismo em Arroio do Padre, uma em abril, organizada pela Zona Sul de Mountain Bike, e outra no mês de junho, organizada pela Nobre Bicicletas, ambas reunindo vários desportistas da modalidade da Região Sul e do Estado.

Saúde

Atualmente, a Unidade Básica de Saúde (UBS) de Arroio do Padre conta com um médico do programa Mais Médicos, uma enfermeira, uma cirurgiã-dentista, um auxiliar de saúde bucal, duas técnicas de enfermagem e seis agentes comunitários de saúde. Esta equipe é responsável por acompanhar os habitantes do município, planejar ações preventivas, intervir diante de uma doença crônica, realizar visitas domiciliares, dentre outras atribuições.

Além disso, o Sistema Único de Saúde (SUS) ainda conta com profissionais plantonistas de segunda a sábado, das 8h às 20h, na UBS, com médico e equipe de enfermagem responsáveis por atender a demanda de urgência e emergência. Fora deste horário, o serviço de transporte de pacientes fica encarregado de levar ao Pronto Socorro.

Ainda, o morador que necessidar de consulta com médico especialista, passa pela Central de Regulação e é encaminhado ao município de referência. Especialidades como cardiologista, ginecologista, psiquiatra e pediatra estão disponíveis dentro da própria UBS, além de psicóloga, fisioterapeuta e nutricionista. Para transporte dos pacientes agendados com especialista em outros municípios de referências, há profissionais, motoristas e veículos disponíveis, bem como ambulâncias para prestação de socorro.

Também é oferecido para a população arroio-padrense serviços como acompanhamento gestacional, teste do pezinho, vacinação, realização de pré-câncer, testes rápidos (HIV, sífilis e hepatites), ultrassonografia, eletrocardiograma e medicamentos da farmácia básica e não básica.

Coronavírus

Para enfrentar a pandemia do novo coronavírus, foram intensificadas as ações de prevenção contra o vírus e houve também a contratação emergencial de profissionais para auxiliarem neste momento: quatro médicos plantonistas, dois enfermeiros, três técnicos de enfermagem e três condutores de veículos.

CRAS

O Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do município tem como público prioritário os beneficiários do programa Bolsa Família e Benefício de Prestação Continuada (BPC) ou outros benefícios da assistência social, além de famílias em situação de vulnerabilidade social devido à fragilização dos vínculos familiares ou com a comunidade.

Também realiza ações na comunidade que estimulem à convivência comunitária, divulgação do acesso aos direitos, a participação da comunidade na construção da vida pública dentro do seu território como o projeto “Domingo em Família” e a ação social “Natal em Família”.

O CRAS Arroio do Padre tem cerca de seis grupos e, aproximadamente, dez atividades, entretanto, devido à pandemia do coronavírus, todos eles estão temporariamente suspensos.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome