Embaixadora da Bulgária receberá navio de pesquisa polar em Rio Grande

O navio Sv. Sv. Kiril i Metodii (São Cirilo e São Metódio) tem 67 metros de comprimento e cabines duplas, e pode acomodar 40 cientistas e uma tripulação de 20 pessoas. (Foto: Rádio Bulgária)

A embaixadora da Bulgária no Brasil, Bojidara Sartchadjieva, vai visitar Rio Grande entre os dias 23 e 25 de fevereiro, para as comemorações dos 90 anos das relações diplomáticas entre Brasil e Bulgária. A visita vai coincidir com a chegada do navio de pesquisa polar búlgaro Sv. Sv. Kiril i Metodii, que depois seguirá para uma missão científica à Antártica.

A logística e a agenda da Embaixadora foram discutidas, na segunda-feira (5), em reunião na sede da Representação Diplomática da Bulgária, em Brasília, com as presenças do secretário-executivo do Escritório de Representação do Estado (EBSB), Henrique Pires, do gerente de Planejamento e Desenvolvimento da Portos RS, Fernando Estima, e do assessor de Relações Internacionais do EBSB, Robson Valdez.

A agenda, que ainda está em construção, deve incluir visitas da embaixadora Bojidara Sartchadjieva a terminais do porto de Rio Grande e a indústrias de fertilizantes que importam produtos da Bulgária. “Estou honrada de cumprir essas agendas no Rio Grande do Sul e representar meu país na recepção a este navio, que tem um significado e importância muito grandes”, disse a Embaixadora. Já Estima destacou que Rio Grande tem um dos maiores portos do país e o último da costa sul do Brasil, onde muitos navios que seguem para a Antártica cumprem logística de abastecimento.

Pires lembrou que o Brasil foi um dos primeiros países a reconhecer a independência da Bulgária, em 1909. “Já as relações diplomáticas foram estabelecidas por decreto, em 12 de julho de 1934, razão pela qual há diversas atividades comemorativas previstas para este ano e que lembram os 90 anos dessas relações”, explicou Pires.

O Sv. Sv. Kiril i Metodii (São Cirilo e São Metódio) tem 67 metros de comprimento e cabines duplas. Pode acomodar 40 cientistas e uma tripulação de 20 pessoas. A Bulgária, como o Brasil, também tem base na Antártica. Fica localizada na Ilha de Livingston, no Arquipélago Shetlands do Sul.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome