Radioterapia da Santa Casa do Rio Grande é desinterditada com condicionantes

Decisão ocorreu na última sexta-feira (25) (Foto: Divulgação/Secretaria do Estado de Saúde)

Uma análise por parte da área técnica da Secretaria da Saúde (SES) decidiu pela “desinterdição com condicionantes” do serviço de Radioterapia da Associação de Caridade da Santa Casa do Rio Grande. A interdição do atendimento de forma cautelar, que estava em vigor até esta semana, havia sido determinada pelo Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs), com base em decisão da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN).

A autorização para funcionamento da radioterapia tem prazo de validade: 23 de janeiro de 2020. Até lá, a Santa Casa do Rio Grande deverá atender exigências apontadas pelos técnicos do Cevs, que farão o acompanhamento e fiscalização.

A partir da desinterdição, poderão ser retomados os serviços de radioterapia para novos pacientes na Santa Casa do Rio Grande. Serão 20 novas vagas para atender a fila de espera de Rio Grande e demais municípios de referência.

A decisão foi comunicada pela secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann, ao secretário municipal da Saúde de Rio Grande, Maicon de Barros Lemos, nesta sexta-feira (25), na sede da SES. O secretário se comprometeu em acompanhar as adequações exigidas.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome