Plataforma digital disponibiliza informações dos abrigos para auxiliar atingidos pelas enchentes

Rede de voluntários se uniu para criar solução inovadora disponibilizada à população em tempo recorde. (Foto: Divulgação)

A tecnologia tem ajudado a salvar vidas em meio às enchentes que atingem o Rio Grande
do Sul desde o final de abril. Uma das iniciativas que vem sendo adotada pelos gaúchos é a
plataforma Abrigos RS (abrigosrs.org), desenvolvida por um grupo de voluntários junto a
SUCESU-RS. O objetivo é centralizar as informações sobre abrigos com dados como
número de vagas disponíveis e necessidades emergenciais para doações.

O desenvolvimento do projeto já mobilizou mais de 500 voluntários em menos de 15 dias na capital Porto Alegre e também no interior, em cidades como Pelotas. A plataforma funciona como um elo entre pessoas que precisam de ajuda e aqueles que podem ajudar.

Além disso, permite que autoridades e agências de crise tenham acesso imediato às informações necessárias para coordenar operações de assistência.

Entre os seus diferenciais, está o fato de ser Open Source, ou seja, é uma plataforma de
“código aberto”, por isso permite o compromisso com a transparência e a colaboração de
mais pessoas para que seja aprimorado ainda mais. De acordo com o grupo que liderou a
criação da ideia, o objetivo é deixar um legado para a sociedade, permitindo que outras
soluções também surjam em momentos de crise, inclusive para a população que precisará
reconstruir suas casas.

“A velocidade que conseguimos montar a estratégia e a operação foi recorde. No setor
privado demoraríamos alguns meses. Aqui, com a generosidade de muitas pessoas, tudo
estava pronto em 72h. Quando estamos unidos, os resultados são ainda mais impressionantes. Isso transcende cidades, e precisa chegar em todos os locais”, afirmou
Francisco Zanetti, coordenador central da operação da iniciativa.

O Abrigos RS conta com parceria de entidades como as Prefeituras de Porto Alegre,
Pelotas, Rio Grande, São José do Norte, Canoas e Guaíba, além do Ministério Público,
Forças Armadas e universidades. As prefeituras podem aderir ao Abrigos RS como canal
oficial com a população e voluntários fazendo login no site https://abrigosrs.org/.

 

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome