Pelo segundo mês consecutivo, indicadores de feminicídio reduzem no estado

Policiais auxiliaram os pais por telefone e prestaram atendimento presencialmente. (Foto: Sd Ribeiro - PM5)

Neste mês da mulher, os indicadores criminais da Secretaria da Segurança Pública (SSP) referentes ao mês de fevereiro trazem um alento para a sociedade gaúcha. Pelo segundo mês consecutivo, os crimes de feminicídios fecharam em queda no Rio Grande do Sul. Em fevereiro deste ano, foram registradas seis ocorrências, contra nove no mesmo período de 2022. Esta redução de 33% é reflexo de uma série de ações adotadas pela secretaria e vinculadas para combater um dos crimes mais desafiadores. Nenhuma das seis vítimas possuía medida protetiva vigente.

A redução dos feminicídios está atrelada às estratégias de proteção para as mulheres que vêm sendo adotadas como o fortalecimento da Delegacia Online da Mulher, execução da Operação Marias, que ocorre de forma integrada entre as forças de segurança para reforçar a fiscalização de medidas protetivas, entre outras. Os esforços da segurança pública também resultaram no anuncio da instalação da 2ª Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) em Porto Alegre.

“Estamos trabalhando com todas estruturas e adoção de novas estratégias visando sempre a proteção das mulheres. Combater este crime, que muitas vezes ocorre de forma silenciosa no âmbito familiar, é um dos nossos principais desafios. Dentro do RS Seguro estamos atuando em diferentes frentes para aumentar a segurança da população. Com repressão e prevenção, agiremos diretamente para coibir os casos de feminicídio em solo gaúcho”, afirmou o secretário da Segurança Pública, Sandro Caron.

feminicídios fevereiro RS

Além das ações efetivas, o Estado reforça o alerta para que as vítimas realizem as denúncias de violência doméstica para que as forças de segurança possam atuar com agilidade nestes casos.

Roubo de veículos mantém tendência de queda

Assim como em janeiro, o mês de fevereiro também foi marcado pela redução de roubos de veículos no RS. Ao todo, foram computadas 329 ocorrências, 37 a menos em comparação com fevereiro do ano passado, registrando uma queda de 10%. Em Porto Alegre, a retração foi ainda mais significativa, chegando a 14%. No mês passado, foram 113 casos contra 132, em igual período de 2022.

roubo de veiculos fevereiro RS

Homicídios, latrocínios e pronta resposta

Com relação aos crimes de homicídio, o último mês de fevereiro teve dez casos a mais do que em igual período de 2022, aumento de 6,9%. No caso dos latrocínios, o indicador teve um acrescimento de cinco, em fevereiro de 2022, para seis no mês passado (20%).

Em função desta oscilação, a SSP reforçou as ações de combate ao crime organizado intensificando o policiamento em pontos estratégicos do estado. Desde então, uma série de prisões já foi realizada pela Brigada Militar e Polícia Civil.

Devido as estas estatísticas, a Secretaria da Segurança Pública reitera que ações efetivas vão seguir sendo adotadas a curto, médio e longo prazo para reduzir as mortes violentas no RS. Em 2019, desde a criação do RS Seguro, programa transversal e estruturante de segurança pública, mais de 4 mil vidas já foram preservadas, reduzindo em mais de 30% o total de crimes violentos no Rio Grande do Sul.

 

homicídio fevereiro RS

Com relação aos casos de latrocínio, os esforços canalizados pela polícia gaúcha já resultaram na elucidação de praticamente todos inquéritos, resultando em nove prisões até o momento. Em Itaqui, por exemplo, os envolvidos foram presos no mesmo dia.

3/2 – Pinhal: parcialmente elucidado, autoria identificada

10/2 – Porto Alegre: ainda sem autoria identificada

20/2 – Taquara: parcialmente elucidado

22/2 – Porto Alegre: elucidado, um preso

21/2 – Tio Hugo: elucidado, cinco presos

22/2 – Itaqui: elucidado, dois presos

latrocinio fevereiro RS

Roubo a transporte: menores indicadores da história

Os indicadores de roubo a transporte coletivo também fecharam fevereiro com os menores números desde o início da série histórica em 2012. No mês passado, foram registrados 29 roubos contra 43 em fevereiro de 2022, redução de 32%.

Já os crimes de roubo em geral também tiveram os menores indicadores da história totalizando 2.359 ocorrências ante 2.833 em fevereiro de 2022, redução de 16%.

transporte coletivo fevereiro RS

Abigeato: segurança no campo

No meio rural, os crimes de abigeato (furto de gado) também apresentaram uma queda em relação ao mesmo período do ano passado. Em fevereiro, foram computados 311 crimes, típico de áreas rurais, registrando uma queda de 14%. Já no segundo mês do ano passado, foram 363 ocorrências.

abigeato fevereiro RS

Ocorrências em bancos

No último mês, foram registradas sete ocorrências em agências bancárias, contra uma em fevereiro de 2022 (600%). Mesmo com a elevação da estatística, a maioria das ocorrências é relacionada ao furto e arrombamento, que resultaram somente na subtração de objetos e materiais das agências, não sendo subtraídos valores dos caixas, quantias em dinheiro e acesso ao cofre. Em nenhum dos casos houve reféns ou vítimas.

 

ocorrencias bancárias fevereiro RS
ocorrencias bancárias fevereiro RS

Confira na galeria abaixo todos os gráficos com a variação nos indicadores de criminalidade mensal e no acumulado no Estado.

indicadores RS

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome