Pelotas: Evento cultural em solidariedade aos atingidos pela enchente acontece neste sábado (8)

A Praça Coronel Pedro Osório, no Centro de Pelotas. (Foto: Michel Corvello/Prefeitura Municipal de Pelotas)

O movimento Solidariedade Pelotas, iniciativa fomentada por sindicatos e movimentos sociais para minimizar o sofrimento das pessoas atingidas pela enchente, anuncia a realização de um evento cultural neste sábado, (8). O Solidariedade na Rua contará com atrações musicais, oficinas, atividades, feira de adoção de animais e banquinhas para exposição e venda de itens, como livros, alimentação e bebidas. Toda a renda dos itens comercializados será revertida para o movimento em apoio às pessoas atingidas. O evento ocorre na Praça Coronel Pedro Osório, com início às 10h e final previsto para às 17h.

De acordo com a organização, o objetivo é promover um momento cultural capaz de agregar a participação de todas as entidades e indivíduos que são parceiros do movimento. O evento será realizado com apoio da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), 8M Pelotas, Instituto Mario Alves (IMA), Armazém do Campo, sindicatos e movimentos sociais. A arrecadação de fundos será feita a partir da venda de livros do IMA e de alimentos e bebidas doados e preparados por voluntários. Ao longo de toda a atividade haverá também uma banca para recebimento de doações de materiais de higiene pessoal, limpeza e ração para animais domésticos.

De acordo com Hellena Vieira, uma das organizadoras do evento, a ideia é mostrar para a sociedade o trabalho realizado. “A gente lançou esse evento para dar visibilidade e mostrar o trabalho da sociedade civil organizada, dos sindicatos, dos movimentos sociais, dos coletivos e partidos”, explica Hellena. A organizadora destaca, ainda, a importância da busca por recursos. “Apesar de as coisas, aos poucos, estarem voltando ao normal, as pessoas que foram atingidas vão demorar um tempo para se restabelecerem e a gente vai precisar tanto de fundos, quanto de comida para auxiliar essas pessoas”, afirma.

A voluntária destaca a importância e as diferentes razões que levaram o movimento a promover o Solidariedade na Rua. “A gente está com essa expectativa de arrecadar mais fundos, além de ter um espaço para ajudar os animais a serem adotados e, no meio de tudo isso, promover essa ação cultural”, finaliza Hellena.

Ao longo da semana, mais detalhes serão divulgados nas redes sociais do Solidariedade Pelotas, no Instagram (@solidariedadepelotas2024), no TikTok (@solidariedade.pel) e no Facebook (Solidariedade Pelotas).

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome