Ponto e vírgula

São Lourenço, Turismo no inverno e verão

O município de São Lourenço do Sul aposta na aptidão da colonização alemã em gostar, fazer e participar de festas.
Ao olhar a programação, é possível constatar que, pela quantidade de apoiadores, patrocinadores e instituições envolvidas, há um comprometimento de todos com o I Festival de Inverno Lourenciano.
Na agenda política do evento, cumpre-me destacar a reunião da Associação dos Municípios da Zona Sul (Azonasul), atualmente presidida pelo prefeito de Capão do Leão, Mauro Nolasco (PT), que reúne 22 cidades da região, e tem na equipe de trabalho minha colega dos tempos de faculdade, Kariza Barros, jornalista, e o amigo Henrique Walner Feijó, gerente executivo da associação.
A pauta predominante será saúde, uma vez que a reunião contará com as presenças da secretária estadual de Saúde, Arita Bergmann, dos deputados da região e do gerente regional do SESC, Luiz Fernando Parada. Na oportunidade, prefeitos estarão confirmando presença na comitiva que irá a Brasília na próxima semana.

Turuçu na carona certa

Aproveitando que os prefeitos estarão na reunião da Azonasul no I Festival de Inverno Lourenciano, a assessoria de imprensa de Turuçu enviou convites para que todos os secretários de turismo e assessores de comunicação acompanhem seus prefeitos, uma vez que, na carona do calendário da festa lourenciana, hoje (9), acontecerá o lançamento do Roteiro Turístico Rural de Turuçu.
Com café colonial que será servido nos dias 9, 10 e 11 de agosto, das 11h às 18h, a Casa da Pimenta, na BR 116 – KM 482, será o palco do evento e o ponto de partida do turismo no município nesta sexta-feira, às 17h.
Parabéns ao secretário de Turismo, José Francisco Conceição. Mais um sonho realizado, desta vez, uma conquista na carona certa.

Turuçu na carona errada

É sofrendo que se aprende!
Utilizo como título “Turuçu na carona certa” não fazendo referência apenas ao calendário do evento que acontece no município vizinho. É necessário lembrar que ano passado, convidados por uma empresa de turismo de Porto Alegre, autoridades municipais aceitaram o desafio de, em poucos dias, oferecer um belo e saboroso café colonial com iguarias produzidas em Turuçu, durante o seminário que tratou do turismo regional na Fenadoce.
Mas, contudo, havia uma condição: na agenda do evento as autoridades turuçuenses teriam espaço para apresentar a Festa do Morango e da Pimenta que aconteceria em outubro daquele ano.
Foi um evento magnífico! Contou com a presença do secretário estadual de Turismo do governo Sartori, senhor Vitor Hugo, e outras autoridades da área.
É chegada a hora do café!
Mesa farta e saborosa. Foram tantas as delícias carinhosamente preparadas pela equipe da Secretaria de Turismo juntamente com os colaboradores da Emater e da Casa da Pimenta, que o café encantou a todos os presentes.
O encanto foi tão grande que parecia magia, pois após o café todos sumiram. Verdade! Já estavam satisfeitos e o restante da agenda não lhes atraía, então foram embora.
Na hora de apresentar a Festa do Morango e da Pimenta, o secretário e a prefeita falaram e apresentaram vídeo exclusivamente para o grupo de Turuçu e o pessoal da agência de turismo de Porto Alegre que, diga-se de passagem, não trouxe um turista sequer para a festa em outubro.
Fica a dica, esta foi à carona errada.
Outra dica: Pelo trabalho desenvolvido para criar o Roteiro Turístico Rural de Turuçu, vale a pena visitar a terra do morango e da pimenta.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome