Pinheirense é indicado pela 21ªRT para a 1ª etapa do troféu “Jovens de agora, valores de outrora”

As raízes de Saullo vêm da família tradicionalista por parte dos pais e avós (Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal)

O jovem Saullo Guilherme dos Dutra foi indicado pelo Departamento Jovem da 21ª Região Tradicionalista (21ª RT) para participar da 1ª etapa do troféu “Jovens de agora, valores de outrora”.

Saullo nasceu em Pinheiro Machado e representa o CCTG Lila Alves. Com 8 dias de vida participou da coreografia do grupo de danças “Herdeiros do Chirivino”, grupo esse que sua mãe, Júlia Graziela Azambuja Dutra participava. Desde muito cedo já estava nos festivais, rodeios e atividades tradicionalistas.

Ele também é filho de Sérgio André Dutra e irmão de Samuel Dutra. Suas raízes vêm da família tradicionalista por parte dos pais e avós. Saullo já dançou no grupo de danças, “Herdeiros do Chirivino”, de Candiota, cidade que reside com sua família. Atualmente faz parte do grupo de danças Juvenil Raízes da Tradição do CCTG e foi Piazito da entidade e do Festival Gaúcho Estadual Estudantil (Fegaes). Também foi Piá do CCTG Lila Alves, 1º Piá da 21ª RT e 1º Piá do estado do Rio Grande do Sul, fato inédito e histórico para Pinheiro Machado, CTG e 21ª Região Tradicionalista.

Hoje ele faz parte da diretoria do departamento jovem da inter-região como secretário. Desenvolve trabalhos com as crianças da cidade de Pinheiro Machado, e ultimamente divulga as brincadeiras e trabalho que escreveu com os colegas de gestão, Gustavo e Rafael, o livro “Resgatando a diversão da piazada”. Encontra-se em uma transição de idade aonde priorizou o estudo e seu futuro, como a escolha de sua profissão. Porém já esta trabalhando em um novo projeto, a criação da “escolinha de campeiros de coração”, projeto esse que será implantado em Pinheiro Machado, visando incentivar as crianças que não tem familiaridade com o campo de se aproximarem dos costumes e lidas que são importantes no dia a dia.

Como funciona
Cada RT escolheu dois jovens. Assim, esse troféu ele será avaliado por um relatório de atividades. São três etapas: dos jovens, pesquisa galponeira e ação social. Os três melhores trabalhos serão os campeões. Essas indicações são homenagens, sendo assim, Saullo já foi premiado.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome