Prefeitura de Pelotas e Força Nacional do SUS fazem mutirão na UBS da Z3

Moradores da Colônia Z3 recebem atendimento das equipes até o dia 20 deste mês. (Fotos: Divulgação)

Com o intuito de retomar o atendimento a pacientes com doenças crônicas e ampliar os tratamentos de saúde que contemplam os moradores da Colônia de Pescadores Z3, a Prefeitura de Pelotas promove até o dia 20 de junho o mutirão de saúde para atualização dos programas da Unidade Básica de Saúde (UBS) do território. Os atendimentos ocorrem entre 9h e 15h.

A iniciativa conta com médicos, enfermeiros, técnicos, agentes comunitários e assistente social da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), além de quatro enfermeiros e dois médicos da Força Nacional do Sistema Único de Saúde (SUS). A segunda equipe de profissionais chegou em Pelotas no último sábado (8) e reforçará o trabalho realizado no mutirão, que contempla também a população abrigada no Salão Paroquial João Paulo II. Até a tarde desta segunda-feira (10), havia 41 famílias no abrigo, totalizando 141 pessoas.

Conforme a diretora de Atenção Primária, Greice Matos, a crise climática enfrentada pelo Estado e Município fez com que as equipes priorizassem as demandas urgentes, principalmente os atendimentos à população abrigada. “É um momento importante, é a hora de retomarmos as ações programáticas e tratamentos que contemplam os pacientes crônicos”, destaca.

A ação teve início na última segunda-feira (10) e atendeu 48 pacientes do programa de pré-câncer da UBS. Nesta terça-feira (11), foram realizados atendimentos de puericultura, enquanto quarta-feira (12) oferecerá cuidados relacionados ao pré-natal. Na quinta-feira (13), a população poderá atualizar a sua carteira de vacinação.

Por fim, na sexta-feira (14), o mutirão vai alcançar os pacientes diabéticos e hipertensos. Na próxima semana, de 17 a 20, a programação será a mesma.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome