Pelotas: Prefeitura realiza ações de combate à tuberculose

Nos dias 24, 27 e 31, haverá atividades em frente às UBSs Dunas, Getúlio Vargas e PAM Fragata, respectivamente, com coleta de baciloscopia, (Foto: Michel Corvello/Prefeitura Municipal de Pelotas/Arquivo)

A Prefeitura realiza, ao longo do mês de março, ações para o Dia Mundial de Combate à Tuberculose, celebrado no dia 24. Em atividades na frente de Unidades Básicas de Saúde (UBSs), equipes farão a busca de pacientes sintomáticos respiratórios, com coleta de baciloscopia nos locais, com resultado em 12 horas, além de repasse de orientações sobre a doença.

Na sexta-feira (24), a UBS Dunas recebe a atividade. Na segunda-feira (27), será a vez da Unidade Getúlio Vargas e, na sexta-feira (31), da PAM Fragata. A programação será das 9 às 12h, inserida no Programa Municipal de Controle da Tuberculose executado pela Rede de Doenças Crônicas Transmissíveis Prioritárias (RDCTP) da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

“Prestaremos orientações à população sobre a doença e busca de sintomáticos respiratórios, ou seja, se o paciente apresentar sintomas ocorrerá a coleta de baciloscopia no local, com o resultado do exame em 12 horas”, explicou a coordenadora RDCTP, Greice Mattos.

Os dados da doença em Pelotas

O Programa Municipal de Controle da Tuberculose, atualmente, conta com 108 pacientes ativos em tratamento e 28 que realizam a profilaxia (medida para a prevenção da infecção ou para evitar o desenvolvimento nos indivíduos infectados). Apenados do Presídio Regional de Pelotas também são atendidos pelo serviço.

Um dos problemas enfrentados em relação à tuberculose, conforme pontuou Greice, é o abandono do tratamento por parte de pacientes. “Isso faz com que a taxa de cura no município não alcance os 85% preconizados pela Organização Mundial da Saúde”, disse.

O trabalho realizado pela Rede de Doenças Crônicas Transmissíveis Prioritárias visa contemplar tanto a busca de sintomáticos respiratórios, a fim de viabilizar o diagnóstico precoce, quanto a promoção de ações que monitorem pacientes em tratamento para incentivar a manutenção do processo até a conclusão.

Tratamento gratuito via SUS

Em Pelotas, o Programa Municipal de Controle da Tuberculose é responsável por realizar o tratamento, de forma gratuita, pelo Sistema Único de Saúde (SUS), com repasse de orientações quanto à doença e distribuição de medicações.

Os pacientes são encaminhados pelos serviços de saúde do Município, como as UBSs, as Unidades Básicas de Atendimento Imediato (Ubais), e a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Areal, além de hospitais e clínicas. Os profissionais de saúde realizam a avaliação e, se constatada a necessidade, inscrevem os usuários no serviço do Programa.

O atendimento é feito no Centro de Especialidades, à rua Voluntários da Pátria, 1.436. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (53) 3222-5963, das 8h às 11h.

Fique atento aos sintomas da tuberculose

– Tosse por mais de duas semanas

– Produção de catarro

– Febre no período final da tarde

– Sudorese

– Cansaço

– Dor no peito

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome