Sala do Empreendedor Darci Ferreira, de Pelotas, é reconhecida com certificação Diamante

A certificação foi entregue, no dia 19, durante evento na 31ª Mercopar, em Caxias do Sul. (Foto: Divulgação)

A Sala do Empreendedor Darci Ferreira, de Pelotas, conquistou pelo segundo ano consecutivo o mais alto grau da distinção concedida pelo Sebrae RS e pela Fundação Nacional da Qualidade (FNQ): o Selo Diamante. A certificação foi entregue, no dia 19, durante evento na 31ª Mercopar, em Caxias do Sul, que reconheceu um número recorde de 119 cidades que se destacaram na excelência do atendimento a empreendedores locais.

“É motivo de muita alegria e um sinal de que o município está dando as respostas necessárias para os empreendedores locais. Na realidade, esse também é um reconhecimento a todos os empreendedores da nossa cidade”, destaca Gilmar Tadeu Bazanella, secretário de Desenvolvimento Turismo e Inovação de Pelotas.

De acordo com ele, a Prefeitura tem trabalhado, desde a implantação da Sala, no sentido de reduzir o tempo das entregas aos empreendedores, com um olhar especial para a desburocratização dos processos. “Entendemos que um dos principais pontos verificados atualmente pelo empreendedor, quando vai para o mercado, é a burocracia e o tempo que ele vai levar para iniciar as operações dos seus empreendimentos”, destaca Bazanella.

Conforme o secretário, a Sala realiza uma média de 6.500 atendimentos por mês, entre empreendedores e pessoas interessadas em iniciar alguma atividade empresarial. “A oferta de vários serviços em um só ponto e a forma como o empreendedor é acolhido e atendido no ambiente é o que qualifica a cidade para ser reconhecida como uma sala modelo. E queremos avançar mais, trabalhando em parceria com o Sebrae RS por meio do Programa Cidade Empreendedora”, frisa Bazanella.

A Sala do Empreendedor Darci Ferreira é um espaço físico e digital que atua por meio da integração de diversas secretarias para levar aos empreendedores Pelotenses agilidade, inovação e resultado. O processo de atendimento físico é feito em quatro linhas de atuação (JUCIS, MEI, Alvará e Microcrédito) com servidores treinados e capacitados para orientação, solução e encaminhamentos das respectivas demandas com a máxima agilidade.

Também é disponibilizado no local um totem de autoatendimento, um coworking com wifi grátis e um espaço jurídico de orientação ao empreendedor desenvolvido em parceria com a Universidade Católica de Pelotas-UCPEL. E na página (http://www.pelotas.com.br/sala-do-empreendedor) os empreendedores podem acessar uma série de serviços digitais. “Neste sentido, também inovamos para um sistema de alvará online, que é uma revolução no segmento”, completa o secretário.

Sobre a certificação

Resultado de uma parceria entre a Fundação Nacional da Qualidade (FNQ) e o Sebrae RS, o processo de certificação entregou aos municípios os troféus Bronze, Prata, Ouro e Diamante. Conhecidas por facilitar a vida dos MEIs e das MPEs na hora de abrir um negócio, oferecer consultorias e capacitação, as Salas do Empreendedor destaque atenderam a uma criteriosa metodologia de avaliação.

Hoje, existem 172 desses espaços em todo o Rio Grande do Sul, que impactam 81% das micro e pequenas empresas gaúchas. Neste ano, alguns novos critérios foram incluídos para a certificação, como a presença das Salas nas redes sociais, para o selo Bronze; e a realização de curso sobre a Lei de Liberdade Econômica pelo responsável da Sala, para o selo Diamante.

Sobre o Cidade Empreendedora

O Programa Cidade Empreendedora é uma iniciativa do Sebrae RS voltada a engajar gestores e servidores na promoção de políticas públicas para o apoio e fortalecimento do empreendedorismo nos municípios, respeitando suas realidades. O programa tem como principal objetivo a transformação local, visando impulsionar o desenvolvimento econômico como um todo, por meio de eixos estratégicos, com a potencialização e institucionalização de alguns capítulos da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome