Cerrito: Ação apreende 713 kg de alimentos impróprios para consumo

Foram apreendidos 713 kg de alimentos perecíveis que seriam destinados à alimentação escolar. (Foto: Divulgação)

Na manhã desta segunda-feira (27), a equipe da Vigilância Sanitária de Cerrito em conjunto com agentes da Inspetoria de Defesa Agropecuária, apreenderam alimentos que estavam sendo transportados de maneira irregular. A carga seria distribuída para a rede escolar.

A ação ocorreu com o Departamento de Defesa Agropecuária e desencadeada pela Brigada Militar, em fiscalização de rotina. Houve abordagem a um caminhão Volkswagen 8-120 Wolker com placas de São Lourenço do Sul.

Na inspeção, foi verificado que o caminhão levava alimentos mal acondicionados, de maneira irregular, com falta de refrigeração adequada além de estar sem os devidos alvarás e notas previstas em lei, com alimentos proibidos de ser carregados no mesmo compartimento do veículo.

Os alimentos e a carga foram recolhidos, considerados impróprios para o consumo humano, devido ao risco do consumidor contrair doenças. Há ainda o agravante de que a carga seria distribuída para a rede escolar em Pedro Osório e posteriormente redistribuída em Arroio Grande, Herval e Pedras Altas.

O ato foi caracterizado como risco grave e iminente à saúde pública. Os 713kg de alimentos perecíveis foram recolhidos e serão incinerados.

A empresa responsável pela distribuição será autuada e notificada, podendo sofrer penalidades, considerando os agravantes descritos e que os alimentos apreendidos seriam distribuídos aos educandários locais.

A ação da Vigilância Sanitária foi baseada nas próprias legislações, conforme lei federal 6437/77 e CVS 5/2013 e a resolução 275/2002. Após a notificação o veículo foi encaminhado com o condutor e o auxiliar do motorista para a Delegacia de Polícia de Pedro Osório para lavratura do boletim de ocorrência.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome