Ambientado em Capão do Leão, romance Granito será lançado na cidade dia 6 de novembro

De autoria da escritora e professora gaúcha Janice Barth, a obra narra a saga da protagonista Laura MacNeil, começando por sua chegada em Capão do Leão. (Foto: Pablito Diego)

No primeiro sábado de novembro, dia 6, às 16h, a autora do romance Granito, Janice Barth, autografará o livro e conversará com leitores na Casa de Cultura Jornalista Hipólito José da Costa. Os antepassados da escritora a partir dos bisavós Narciso e Isabel Figueiredo viveram em Capão do Leão.

Janice possui mestrado e doutorado em Linguística Aplicada pelas universidades de Toronto e Ashwood (EUA), respectivamente. Nascida e criada em Porto Alegre, onde se graduou em Letras/Licenciatura e fez pós-graduação em Psicopedagogia na UFRGS, ela morou também em São Paulo, Rio de Janeiro, Canadá e Estados Unidos.

O romance Granito narra a história de quatro gerações de uma família que se formou pelo encontro amoroso de um casal de imigrantes durante a travessia do Atlântico em uma embarcação no final do século XIX. Os pioneiros, tendo o patriarca Narciso Figueiredo à frente, se estabeleceram em Capão do Leão.

Décadas depois da chegada dos ancestrais, uma bisneta de Narciso, Laura MacNeil, personagem central do livro, viaja de Toronto (Canadá), onde vive, para Capão do Leão, determinada a pesquisar documentos de família, para compreender a saga dos antepassados.

Na bucólica Capão do Leão, manifestam-se em Laura poderes mediúnicos que lhe permitem rever os fatos do passado numa tela líquida dentro de uma cavidade esculpida numa rocha de granito por milênios de erosão.

A chave da narrativa passa por esse mistério: o granito é a partícula que desvela o infinitesimal, a bola de cristal que elucida o que parecia enterrado para sempre. Laura inevitavelmente se depara com trágicos rodopios do destino.

Realidade e fantasia se misturam na narrativa, amarração de fatos históricos e criações ficcionais. Os rumos da vida de Laura mudam radicalmente quando ela conhece Gerson Nunes, advogado em Pelotas, com quem vive um amor intenso.

Nas 600 páginas de Granito, desfilam fatos da história do Rio Grande do Sul em meio a paixões, perdas, traições, injustiças e terríveis assassinatos, numa sequência de eventos mediados pela conexão sobrenatural com a rocha milenar.

Na véspera, dia 5, Janice autografará o livro em Pelotas, na Livraria Vanguarda, às 14h, e na Bibliotheca Pública, às 17h

O romance estará à venda na Feira do Livro de Porto Alegre (de 29/10 a 15/11), na Banca da Associação Gaúcha dos Escritores Independentes (AGEI) e também na Amazon.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome