Hospital de Caridade de Canguçu e Estado firmam novo contrato

(Foto: Divulgação)

O Governo do Estado, através da Secretaria Estadual da Saúde (SES) e o Hospital de Caridade de Canguçu (HCC), firmaram um novo contrato na noite desta quinta-feira (18), em Porto Alegre. De acordo com o deputado Pedro Pereira (PSDB), que assinou o documento na condição de testemunha, esse novo acordo garante o pagamento mensal de mais R$ 154 mil a instituição hospitalar (R$ 1,8 milhão ao ano). O valor é referente ao Incentivo de Adesão à Contratualização (IAC), um recurso federal que não constava no contrato que estava vigente até então.

No documento consta ainda, o pagamento em parcela única, de R$ 150 mil, proveniente de emendas parlamentares. O contrato foi assinado pela secretaria da Saúde, Arita Bergmann, e o prefeito do município, Vinicius Pegoraro. De acordo com a SES, o acordo prevê um repasse anual de R$ 6,7 milhões para o HCC prestar serviços pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Desses, R$ 1 milhão e 45 mil são de recursos estaduais.

Pedro Pereira informou que seguirá lutando pela saúde, pelo hospital e lembrou que as tratativas iniciaram em abril, em uma audiência com a secretária Arita. Ontem o parlamentar voltou a afirmar, que o HCC tem condições de aumentar sua capacidade. “Um exemplo, é que o número de leitos para dependentes químicos, na Ala de Saúde Mental, fosse duplicado. Acredito que o nosso hospital, que é regional, pode e deve oferecer mais serviços para a população, aumentando sua produtividade e garantindo mais recursos”, afirmou.

Segundo a SES, no contrato, está prevista a oferta de alta e média complexidade em procedimentos cirúrgicos e ambulatoriais, partos, exames por imagem, atendimentos de urgência e emergência, e outros serviços. O Hospital de Caridade de Canguçu possui 114 leitos, dos quais 96 são oferecidos por meio do SUS. As especialidades abrangidas são neurocirurgia, cirurgia geral, clínica geral, saúde mental, Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) adulto, obstetrícia cirúrgica e clínica, pediatria clínica e psiquiatria.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome