Canguçu: Voluntários auxiliam a reparar vandalismos na praça Acanguaçu

Lori Beifuss Plamer realiza trabalho voluntário na praça (Foto: Liziane Stoelben Rodrigues/JTR)

Desde o ano passado, a praça Ermandino Rodrigues Borges (popularmente conhecida como Acanguaçu), localizada no bairro Prado, sofre atos de vandalismos que danificam as dependências do espaço. Ações como pichar, quebrar os brinquedos ou vidros e furtos se tornaram comuns, de acordo com o morador do bairro, Lori Beifuss Plamer, que realiza trabalho voluntário na praça. Desde junho de 2019, Plamer realiza pinturas, limpeza, corta a grama, planta flores, retira o lixo das lixeiras e conserta os brinquedos, e conta que todo material utilizado por ele vem de doações solicitadas às empresas locais.

A praça é uma das mais conhecidas da cidade, possui pista de skate, brinquedos, palco, mesas, bancos, chafariz, flores, espaço para a leitura e uma lanchonete.

Em troca de utilizar o espaço como opção gastronômica, a Prefeitura de Canguçu exige que os proprietários da lanchonete Quiosque Amigos da Onça, empresa que possui concessão para trabalhar no local, cuidem da manutenção e realizem atrações abertas à comunidade, durante o verão.

Desde o começo do funcionamento já foram realizadas melhorias na pintura e no piso, reforma nos banheiros e limpeza no lugar. O local possui câmeras de segurança com imagens transmitidas diretamente à Polícia Militar, mas, segundo o morador, a iluminação está com problemas na instalação elétrica – dificultando a identificação dos vândalos -, falta água para os banheiros e chafariz, em consequência do furto do hidrômetro, e algumas lâmpadas precisam ser trocadas.

Durante contato, o Executivo informou que, caso necessário, fiscaliza e notifica o contrato de parceria, mas até o presente momento ainda não foram recebidas denúncias dos problemas enfrentados na praça e cabe aos proprietários do Quiosque manterem a manutenção do local.

O trabalho realizado pelo morador e pelos proprietários do Quiosque, Inara Nunes e Mateus Vergara, está conservando a praça há algum tempo, mas é importante que toda comunidade se mobilize para auxiliar o bom funcionamento, denunciando atos de vandalismos ou realizando doações de materiais como cimento, tinta, lâmpadas, fiação, hidrômetro e rastilhos podem ser realizadas pelos telefones (53) 98461-1992 ou 98459-5717.

 

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome