Poetas crioulos reúnem-se em São Lourenço do Sul

Evento reuniu grandes nomes da poesia xucra, momento definido como de aprendizado pelo prefeito Rudinei Härter (Foto: Decom/Divulgação)

*Com informações da Assessoria de Imprensa

São Lourenço do Sul recebeu no fim de semana grandes nomes da poesia xucra, quando sediou o 63º Rodeio de Poetas Crioulos, evento realizado pelo grupo Estância da Poesia Crioula com apoio da Prefeitura, através da Coordenadoria Municipal de Cultura.

A programação no CTG Galpão da Peonada ocorreu de sexta-feira (28) até o domingo (30).
A palestra “Os mistérios ocultos do chimarrão” abriu a programação, ministrada por Wilson Tubino, da Escola do Chimarrão, para apresentar a história e curiosidades sobre a bebida. O sábado (29) iniciou com a abertura oficial do evento, momento em que o prefeito Rudinei Härter (PDT) e a coordenadora de Cultura Miriam Freitas compuseram a mesa ao lado do presidente da Estância da Poesia Crioula, Ubirajara Anchieta, o vice-presidente Vilson Tubino, os delegados da entidade Pandiá Cardoso e Gargioni Ávila e o patrão do CTG Galpão da Peonada, Jorge Luiz da Gama. Härter destacou a honra em receber o evento em São Lourenço do Sul, revelando sentir-se feliz em estar cercado de pessoas que conhecem tanto a cultura gaúcha, considerando um momento de aprendizado.

À tarde ocorreram homenagens e diplomações, entre elas, do prefeito. O Grupo de Danças Folclóricas Alemãs Sonnenschein fez apresentação mostrando um pouco da cultura germânica aos presentes e a dança gaúcha foi apresentada pelo Grupo de Danças Tradicionalistas Herança Farroupilha, da Escola Estadual de Ensino Médio (Eeem) Professor Rodolfo Bersch. Pandiá Cardoso fez uma tertúlia e Robledo Martins fez um show musical. A programação contou também com a posse da patronagem do CTG Galpão da Peonada, tendo a frente o patrão Jorge Luiz Gama.

A manhã de domingo (30) foi marcada por emoção com uma cerimônia ecumênica ministrada pelo Pastor Artur Presser (IECLB) e pelo padre Volmir da Silva, pároco da paróquia São Lourenço. O momento foi em homenagem aos “Poetas da Sesmaria do Infinito”. Foi também realizada uma homenagem espiritual ao poeta lourenciano que foi presidente da Estância da Poesia Crioula Sérgio de Laforet Padilha, com participação de sua família. O encerramento do evento foi com uma tertúlia de Pandiá Cardoso e almoço.

Ao longo da programação, muitas declamações de grandes nomes da poesia xucra e tradicionalista gaúcha. “São Lourenço do Sul viveu um dos maiores momentos da cultura, quando recebeu os grandes poetas do Rio Grande do Sul. Nomes consagrados da literatura que ficaram encantados com a receptividade e organização do evento, prometendo voltar e trazer mais eventos culturais para nossa cidade”, comemorou a coordenadora de Cultura, Miriam Freitas.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome