OAB Rio Grande: 90 anos em defesa da advocacia e da cidadania

OAB - Subseção Rio Grande completa 90 anos. (Foto: Freepik)

Nesta quinta-feira (30) a Ordem dos Advogados do Brasil Subseção Rio Grande completa 90 anos desde a data de sua criação. A Subseção que representa a advocacia rio-grandina possui atualmente 22 Conselheiros e diversas Comissões permanentes e Especiais que atuam na melhoria da atividade profissional e na defesa dos interesses da cidadania.

Uma das principais atividades da Subseção é a garantia do cumprimento das prerrogativas da advocacia. “Estamos sempre vigilantes e atuantes para garantir a liberdade do exercício profissional. A OAB Rio Grande seguirá trabalhando para que todos os colegas, principalmente, aqueles que estão iniciando a carreira, possam sentir-se seguros para a defesa da sociedade”, afirma o presidente Ary Silva Júnior. A OAB Rio Grande possui atendimento para a advocacia em todos os polos jurídicos e policiais da cidade.

Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil Subseção Rio Grande, Ary Silva Júnior. (Foto: Divulgação)

“A Subseção do Rio Grande além do atendimento da advocacia também participa das principais pautas da sociedade rio-grandinas. Estamos, através de nossas comissões, sempre atentos aos assuntos que surgem da Câmara de Vereadores, do Executivo Municipal e também nos diversos Conselhos Municipais, nos quais a Subseção tem participação”, afirma o presidente Ary Silva Júnior. Através dessas participações, a Subseção acompanha o dia a dia da cidadania e está sempre pronta para estar ao lado da sociedade naquilo que for necessário.

Por fim, a OAB também está sempre atenta aos movimentos do poder judiciário, parte fundamental da rotina da advocacia. Recentemente, a OAB depois de uma construção das diretorias anteriores tanto na Subseção quanto na Seccional conquistaram mais uma etapa da elevação de entrância da Comarca do Rio Grande. “É um avanço para advocacia, já que teremos maior estabilidade de servidores e melhores condições de trabalho a todos, repercutindo diretamente na velocidade e qualidade da prestação jurisdicional”, conclui o presidente Ary Silva Júnior.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome