Henry Sobel morre aos 75 anos nos Estados Unidos

Líder religioso se destacou por lutar em questões relacionadas aos Direitos Humanos (Foto: Luís Gonçalves / CP Memória)

O rabino Henry Sobel morreu nesta sexta-feira aos 75 anos em Miami, nos Estados Unidos. Sobel faleceu em decorrência de complicações do câncer, segundo informações do jornal O Estado de São Paulo. O líder religioso será sepultado neste domingo no Woodbridge Memorial Garden, em Nova Jersey.

A família de Sobel divulgou uma nota, confirmando a morte dele e destacando o seu papel em questões relacionadas aos Direitos Humanos. “Destacou-se como uma voz firme em defesa dos Direitos Humanos no Brasil”.

Sobel teve forte atuação no período da ditadura militar, principalmente no esclarecimento da morte de Vladimir Herzog, não aceitando a versão de que o jornalista teria cometido suicídio. Ele autorizou que o ex-diretor da TV Cultura fosse sepultado no Cemitério Israelita Butantan, seguindo os ritos judaicos.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome