Previsões para 2023: concretização de sonhos, ano das mulheres e melhora nas relações familiares

Letíssia Etcheverry é artista, taróloga, cartomante, numeróloga, thetahealer, professora e escritora. (Foto: Divulgação)

O ano de 2022 chega ao fim com expectativa de renovação. Após a correria promovida pela realização de eleições gerais, Copa do Mundo e retorno de eventos presenciais, a expectativa é de que haja mais tranquilidade em 2023 em diversos aspectos. “Vai ser um ano de muita superação, de muitas conquistas, de muitas vitórias”, indica a taróloga, cartomante e numeróloga Letíssia Etcheverry, apontando a leitura feita no tarô com o sétimo arcano maior, “O Carro” ou “A Carruagem”.

O sétimo arcano maior, “O Carro” ou “A Carruagem”.

A escolha pela sétima carta não é aleatória. Conforme Letíssia, o ano de 2023 será regido coletivamente pelo 7, que ela define como o número mais espiritual. “Tanto que a gente têm as sete cores do arco-íris, as sete notas musicais, os sete chakras. Então ele é um número com bastante simbolismo”, diz.

Neste sentido, a carta do carro no tarô também indica que desejos de muitos anos poderão ser concretizados, como a compra de uma casa, um automóvel ou mesmo uma gravidez. Além disso, Letíssia lembra que a carta traz um guerreiro, que tem grande controle emocional. “Ele não se deixa governar pelas emoções. Ele também não ignora elas, ele usa elas a favor dos seus objetivos. Então mostra que as pessoas vão poder acalmar os seus ânimos, mas vão seguir batalhando por aquilo que querem”, aponta. A carta também indica que será um ano de evolução espiritual.

O microrregente será o número 23, uma combinação dos números 2, 3 e 5. Ele remeterá aos arcanos femininos, a Sarcedotisa e a Imperatriz. “Então, o ano também vai ser das mulheres. Vai ser um ano que as mulheres vão continuar ganhando espaço na mídia, que vai continuar o movimento contra a violência da mulher, contra o abuso”, conta Letíssia, citando que deverá haver uma mobilização mundial sobre esses assuntos.

Nas cartas ciganas, a indicação é a carta dos Peixes. (Foto: Divulgação)

Nas cartas ciganas, a indicação é a carta dos Peixes, versando sobre ajustes financeiros. Com isso, o ano deverá trazer energia favorável para a resolução da vida financeira. Ainda, há a indicação de oportunidades para realizar negócios pela internet. Para isso, no entanto, é preciso dedicação em se expor no meio online. Ainda, será um ano bom para os núcleos familiares, favorável para que parentes façam as pazes. “Na família, é muito importante que a gente tenha uma base para a vida”, afirma.

Nos relacionamentos, as cartas mostram muitos términos e rompimentos. (Foto: Divulgação)

Sobre as relações amorosas, deve haver muitos términos e rompimentos, principalmente em casos nos quais não há mais alinhamento entre os envolvidos. “Relações que não estiverem 100% em conexão irão terminar em 2023”, indica. Com isso, a perspectiva é que haja a busca constante pela alma gêmea de cada um, de forma que seja mais compatível com o momento e os interesses atuais.

Nos negócios, cartas apontam parcerias e realização de novos contatos. (Foto: Divulgação)

No âmbito dos negócios, o próximo ano deve ser mais favorável para o desenvolvimento de parcerias e a realização de novos contatos. “É no sentido de conhecer alguém e fechar uma parceria, uma coisa espontânea, do momento”, exemplifica. O cenário também aponta que muitas pessoas também vão querer empreender, com grande chances de dar certo caso seja bem planejado. Nos estudos, os temas sobre educação emocional devem ganhar força, voltados às áreas psicológicas, metafísicas e de desenvolvimento pessoal. “Você pode estudar qualquer assunto, mas aparece aqui que o foco é aquilo que vai fazer as pessoas se desenvolverem mais com as emoções dela”, destaca.

Cartas apontam que pode estar havendo um boicote na área da saúde. (Foto: Divulgação)

Na área da Saúde, as cartas apontam que pode estar havendo um boicote a pessoas e informações que possam encerrar a pandemia de Covid-19 no próximo ano. “São pessoas que trabalham para o bem, para a evolução, para a luz. Pessoas que tem boas intenções”, aponta. Neste sentido, ela afirma que a atuação de empresas e veículos de comunicação, atendendo a interesses, possa estar impedindo o encerramento definitivo da crise sanitária. Com isso, a indicação é que haja um apego à espiritualidade, uma autoridade maior com as questões humanas, confiando na justiça divina.

De modo geral, a manutenção da saúde passa pela cura da infância, que Letíssia explica como sendo uma reconexão com a versão de cada um enquanto crianças, indicada pelas cartas de crianças e dos ratos. “A gente fica adulto e perde muitas coisas. Perde a espontaneidade, perde a alegria de viver, deixa de se divertir. A gente fica muito focado em trabalhar, pagar conta, nessa coisa mais engessada da vida adulta”, disse Letíssia, apontando que a criança é a essência de cada um. Neste sentido, ao longo do caminho os sonhos e aspirações podem ter sido perdidos, mas devem ser relembrados.

Na área política, o período deverá ser marcado por dificuldades no governo federal, pelo menos até o final do primeiro semestre. O período contará com o aparecimento de muitos escândalos envolvendo a gestão de Jair Bolsonaro (PL) no Palácio do Planalto. “O novo governo talvez se foque mais em queimar o governo antigo do que fazer algo que deveria estar fazendo”, aponta Letíssia, sobre a leitura das cartas.

No entanto, esses escândalos poderão representar, de fato, dificuldades para que a gestão do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) cumpra promessas feitas durante a campanha. Paralisações e greves também estão no radar durante os primeiros seis meses de 2023. “A gente vai ter que ter muita paciência”, projeta. O panorama também deve ser estendido aos governos estaduais.

Cartas indicam dificuldades no início do Governo Leite. (Foto: Divulgação)

No Rio Grande do Sul, as cartas indicam que o governador reeleito Eduardo Leite (PSDB) também passará por dificuldades na administração ao longo da primeira metade do ano. O cenário será modificado a partir de setembro. “Ele pode começar a fazer coisas importantes e pode trazer soluções muito interessantes para o estado”.

Cartas para a gestão da prefeita Paula mostram bom ano. (Foto: Divulgação)30

Em Pelotas, há a perspectiva de um ano bom para a gestão da prefeita Paula Mascarenhas (PSDB), com a implantação de medidas temporárias que beneficiarão o município, assim como benfeitorias às mulheres e idosos. “E vai acontecer uma grande mudança para o município. Coisas boas vêm por aí”, indica.

Futebol

No esporte, a Seleção Brasileira passará um tempo digerindo a eliminação nas quartas de final da Copa do Mundo. Quanto ao novo comandante, após a saída do técnico Tite, a expectativa é que seja alguém jovem, que tem uma conexão forte com a Seleção. Um retorno, no entanto, não está descartado.

Para a dupla Gre-Nal há projeções boas. O Grêmio perderá um jogador importante, que despertará atenção de um outro clube. Mas o torcedor deve ficar esperançoso. As cartas mostram uma grande vitória para o time, aponta Letíssia.

Para o Internacional, um novo técnico deve ser contratado, com postura severa e que gosta de disciplina. “Um grande comandante”, define Letíssia, destacando que as características podem não ser negativas. O novo integrante deve levar, ainda, novos pontos de vista, em um trabalho que deve ser diferente do exercido pelo atual, Mano Menezes. Ainda está previsto um grande aporte financeiro, que poderá ser por meio de título.

Em nível local, o Brasil de Pelotas precisará de mais conhecimento e técnica para superar a Série D, que trará dificuldades. Para isso, o apoio da torcida deverá ser importante, diminuindo críticas e propondo um pensamento positivo. Para o final do ano, há possibilidade de colher resultados. Para o Pelotas, deverá ser um ano tranquilo, também demandando experiência para comandar o time. “Que venha somar com o time e que faça o time crescer. Mostra benção, crescimento, mas precisa dessa pessoa, que é fundamental”, disse.

Conheça a Letíssia

Com 24 anos de experiência e pesquisa em Oráculos Milenares e criadora do método interpretativo NUMI (Numerologia Intuitiva) para autodesenvolvimento, Letíssia Etcheverry é artista, taróloga, cartomante, numeróloga, thetahealer, professora e escritora. Formada em Letras Português/Inglês e pós-graduada em Programação Neurolinguística Sistêmica e Qualidade de Vida. O contato para agendamento de consultas e cursos pode ser feito pelas redes sociais, com o @letissiahealer, ou pelo WhatsApp (53) 98147-1407.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome