Piratini: baixa procura por parte de jovens pode fazer com que município devolva vacinas

Município tem imunizantes sobrando, mas talvez tenha que devolver. (Foto: Douglas Dutra)

Uma reunião na próxima segunda-feira (9) entre os municípios da Zona Sul e a 3ª Coordenadoria Regional de Saúde, poderá definir que Piratini terá que devolver parte das vacinas já recebidas e direcionadas a quem tem 18 anos, situação que ocorre devido a baixa busca pela primeira dose para quem está incluído nesta faixa etária.

O secretário de Saúde da cidade, Cássio Segatto, lamenta a situação e prevê que a devolução, bem como a redução no número de imunizantes a serem futuramente enviados, vai acontecer.

“Há municípios atrasados na vacinação e estes estão pedindo estas sobras para poder aumentar a aplicação, então acredito que vamos ter que devolver parte do estoque e receberemos menos doses a partir de agora”, explicou Segatto, acrescentando que a busca pela vacina em Piratini vem reduzindo gradativamente.

 “Já havíamos notado que quanto mais se reduz a idade alvo, menos procura tem. Mas mesmo assim estamos na média da região e já temos mais de 12.500 pessoas vacinadas, o que não nos impede de fazer um apelo aos mais jovens para que aproveitem essa próxima semana para se vacinarem, pois enquanto em outros municípios falta imunizantes, em Piratini tem sobrando, então busquem os postos para essa dose inicial”, conclui.

Para agendar a vacinação basta fazer contato com os quatro postos de saúde. Os números são os seguintes: Posto Central- 9.99968566- Posto do bairro Cancelão- 99904-5468- Posto do bairro Padre Reinaldo- 9-99385308 e Posto do bairro Vila Nova- 9-97101018.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome