Homens armados assaltam armazém no interior de Piratini e casal é feito refém

Editoria de Polícia. (Foto: Divulgação)

A onda de assaltos que passou a assustar quem mora na zona rural no ano passado e que persiste em 2021 voltou a fazer novas vítimas em Piratini. O ataque mais recente foi na noite de sexta-feira (19), no Passo do Moinho, 2º Distrito, em um estabelecimento comercial situado a seis quilômetros da BR-293.

Quatro homens, dois deles armados com revólveres, renderam ainda na estrada de acesso a filha e o genro de Guilherme e Marlusa Knipel. Os dois foram feitos reféns e levados até o armazém onde os bandidos roubaram dinheiro e produtos, enquanto eles foram mantidos no veículo, um gol branco.

Segundo André Garcia, familiar das vítimas, o casal de 18 e 25 anos, respectivamente, foi levado na fuga. “Depois de roubarem, os homens levaram os dois até o município de Capão do Leão, onde eles foram libertados. Após, eles conseguiram acionar a Brigada Militar que os socorreu”, contou.

Esse é o segundo assalto que a família sofre em três meses. Conforme Garcia, um dia antes do último Natal eles também passaram pela violência e o novo episódio abalou a todos.

“A menina está muito nervosa e chorou muito. Estamos assustados, pois a situação para quem mira no campo está muito difícil. Está mais violento do que na cidade”, opinou.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome