11ª Feijoada da Apae de Piratini arrecada R$ 4 mil à entidade

Recurso vai ajudar no pagamento dos salários dos colaboradores (Foto: Virgínia Dutra)

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Piratini realizou, no dia 30 de agosto, a 11ª Feijoada da Apae, evento que anualmente busca mobilizar a comunidade no intuito de arrecadar fundos para a manutenção da entidade.

Duzentos ingressos foram vendidos, proporcionando o valor de R$ 4 mil, que será utilizado principalmente para o pagamento dos funcionários, um dos desafios permanentes da atual gestão, pois a maioria dos recursos são de sócios e do repasse mensal feito pela Prefeitura Municipal.

“A nossa folha de pagamento é alta, então este montante será usado para honrar o compromisso com os nossos colaboradores que fazem um trabalho magnifico”, disse a vice-presidente Mônica Taddei, que agradeceu o grande número de pessoas que compareceram na Associação Atlética Banco do Brasil (AABB).

“É uma causa que todos deveriam ajudar, então somos muito gratos aos que, mais uma vez, reconheceram o trabalho ao vir nos prestigiar. Nosso reconhecimento também à ajuda que a Prefeitura nos dá, pois mesmo com sérios problemas financeiros o município nos garante um valor que é essencial para a manutenção da nossa estrutura”, agradeceu Mônica.

Na oportunidade foi lançado o projeto da construção do ginásio da entidade, uma obra orçada em R$ 1 milhão, sendo a próxima meta da entidade, que formou uma comissão com representantes de diversos setores da comunidade para unir forças e arrecadar o valor.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome