Diplomação de eleitos e suplentes vai ser realizada de forma virtual em Pinheiro Machado

A diplomação acontece de forma virtual devido à pandemia do Covid-19. Foto: Eunice Garcia

A diplomação de candidatos eleitos e suplentes será realizada na sexta-feira (18) de forma virtual. Devido a pandemia e a classificação de bandeira preta (risco altíssimo) no distanciamento controlado do governo do estado não será permitido a realização de solenidade presencial.

Segundo informações do chefe do Cartório da 35ª Zona Eleitoral, Alexander Mendonça, “a diplomação acontece através de e-mail sem nenhuma cerimonia presencial”. O documento será assinado pelo juiz e encaminhado para o endereço de e-mail de cada um dos eleitos, a medida adotada é válida para Pinheiro Machado e Pedras Altas.

A diplomação do candidato a prefeito de Pinheiro Machado que obteve a maioria dos votos válidos no dia 15 de novembro, ainda não tem data definida, em virtude do indeferimento da candidatura.

Na quarta-feira (16) o Supremo Tribunal de Justiça (STJ) negou o pedido de suspensão criminal da condenação que impede o deferimento da candidatura. Betiollo foi condenado por desacato e desobediência qualificada durante uma fiscalização em sua propriedade rural em 2016.

A defesa de Carlos Ernesto Betiollo vai entrar com novo pedido de Habeas Corpus e pedir reforma da sentença do STJ. Se a batalha jurídica for favorável Betiollo poderá ser diplomado e empossado em 1º de janeiro de 2021. Caso contrário, o Presidente da Câmara poderá assumir o Executivo até que seja acordada nova eleição.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome