Autocuidado é tema de celebração ao Dia Internacional da Mulher em Pinheiro Machado

O evento que reuniu dezenas de mulheres foi realizado no dia 9 de março, na Chácara Ravi. (Foto: Divulgação)

Foi pensando no bem-estar feminino e autocuidado que a engenheira agrônoma e proprietária da Chácara Ravi, Júlia Flores de 24 anos, teve a ideia de promover um dia especial para celebrar o Dia Internacional da Mulher. O evento que reuniu dezenas de mulheres foi realizado no dia 9 de março, na Chácara Ravi, onde Júlia reside com a família e, tinha por objetivo honrar a essência feminina e despertar nas mulheres um novo olhar sobre a necessidade do autocuidado.

Júlia explica que, “a ideia do evento de Celebração ao Dia das Mulheres surgiu após identificar algumas necessidades das mulheres de Pinheiro Machado. Muitas vezes priorizamos nosso lar, família e trabalho, mas, esquecemos de cuidar de nós mesmas. Passam-se os dias, meses e anos, e muitas de nós não nos permitimos tirar um momento para o autocuidado”.

“Foi uma tarde de conexões, este evento veio para trabalhar questões do Corpo, Mente e Espírito, através de diversas atividades, como meditação guiada, reflexão, ancestralidade e oficinas, além da musicoterapia, sendo esta conduzida pela Psicóloga e Cantora Luana Soares, que atua na região de Pelotas”.

Sobre a realização do evento, Júlia conta que inicialmente fez um estudo da viabilidade e organizou um cronograma das atividades propostas. “Este foi o meu primeiro evento na Chácara Ravi, anteriormente, só havia recebido pessoas para atividades bem específicas. A ideia é organizar a propriedade rural para que eu possa cada vez mais receber pessoas para celebrarem momentos especiais, além de trabalhar com o Turismo Rural, segmento este no qual vejo um enorme potencial aqui no nosso município, nós temos lindas riquezas naturais”.

O evento também contou com a participação e parceria da ONG Vida Nova que permitiu a exposição do trabalho das mulheres durante o encontro. “Através da ONG as mulheres puderam expor seus talentos em uma feira organizada junto ao evento. Agradeço ao Olício Lopes, por acreditar no meu projeto, pela parceria e troca de ideias, veio para somar, me apoiando e compartilhando de experiências em diversos aspectos estruturais do evento, propondo a realização da Feira das Artesãs”, destacou.

Para o secretário do Projeto vida Nova, Olicio Lopes, o evento foi de extrema importância para a sociedade. “Estivemos presentes representando o Projeto Vida Nova e a Ong, um evento diferenciado e de extrema importância para a sociedade, permitiu a troca de ideias, conhecimento e experiências com mulheres da nossa comunidade e as palestrantes”.

Ao finalizar, Júlia relatou: “O evento foi um sucesso! As mulheres que participaram deram um feedback muito positivo. Prometeram voltar nos próximos encontros! E eu fiquei muito realizada por estar dando o primeiro passo de um grande e lindo projeto, que é a minha propriedade Chácara Ravi. Sou grata a todos que colaboraram, um agradecimento mais do que especial à minha família, que é a maior incentivadora nos meus projetos”, concluiu.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome