Pelotas: HE UFPel assina contrato com empresa que irá construir novo ambulatório

Empenho dos recursos iniciais ocorreu essa semana e viabilizará a realocação dos ambulatórios que serão demolidos para construção do novo hospital. (Foto: UFPel)

O Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas (HE UFPel) , filiado à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), assinou, nesta semana, o contrato com a empresa vencedora da licitação para execução das obras do novo ambulatório, no prédio da antiga Laneira.

Em agosto deste ano foi concluída a instalação do novo telhado, com um investimento de R$1,8 milhões, feito para dar condições ao prédio de receber as futuras instalações dos ambulatórios que atualmente funcionam em prédio situado na área onde será construído o bloco 2 do Hospital Escola.

Esta semana foram empenhados os primeiros R$ 2 milhões, oriundos de recursos da própria Ebserh (R$ 1,5 milhões) e de emenda parlamentar do Deputado Federal Daniel Trzeciak (R$ 500 mil). O novo espaço contará com infraestrutura idêntica à atual, com 28 consultórios, cinco salas de orientação e uma sala de aula, além de espaços específicos para a farmácia do Serviço de Atendimento Especializado (SAE) e do Centro de Aplicação e Monitorização de Medicamentos Injetáveis – CAMMI. O custo total da obra dos novos ambulatórios será de R$ 6,8 milhões.

O início das obras dos ambulatórios, no prédio da Laneira, é o passo inicial para a construção do novo Hospital Escola, pois a realocação dos ambulatórios, hoje localizados na Avenida Almirante Guillobel, é fundamental para a manutenção dos serviços assistenciais, bem como as atividades de ensino durante a execução das obras dos blocos 1 e 2, que demandará a demolição do prédio onde funcionam atualmente.

Sobre o Hospital Escola
O Hospital Escola da UFPel é uma instituição de ensino, pesquisa e assistência à saúde, referência no sul do Brasil nas áreas de oncologia, cuidados intensivos adulto e neonatal, tratamento de HIV e gestação de alto risco. É campo de prática de ensino, pesquisa e extensão para dez cursos da área da saúde da UFPel. Presta atendimento à população de 21 municípios da Zona Sul do Estado, exclusivamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Mais de 70% da estrutura física de internação e serviços estão em prédios locados, que além de comprometer a capacidade de atendimento, gera custos com locação e deslocamento, devido à distância física entre os prédios.

O projeto da sede própria prevê a construção de dois blocos, onde serão alocados os serviços de apoio diagnóstico e terapêutico e a internação hospitalar, em área junto à Faculdade de Medicina. O bloco 3 já é uma realidade, em funcionamento desde 2020 com a Unidade de Oncologia, Atenção Domiciliar e áreas administrativas, de ensino e pesquisa.
A novo HE UFPel terá 274 leitos de internação nas áreas de clínica médica, cirúrgica, ginecologia e obstetrícia, pediatria, saúde mental e precaução, centro cirúrgico, centro de Parto Normal, UTI Adulto, UTI Neonatal e Semi-intensiva, UTI pediátrica, Agência Transfusional e Banco de Leite Humano, além novos e modernos serviços de apoio diagnóstico.

Em julho deste ano, o projeto do novo Hospital Escola foi incluído para votação no Plano Plurianual (PPA) do Governo Federal e ficou em 6º lugar nas propostas da área da saúde. Segundo relatório de participação, publicado no mês de outubro, o projeto foi contemplado no programa de Educação Superior.

Em agosto foi anunciado que a obra havia sido contemplada com recursos do Novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do Governo Federal, com a liberação de R$ 265,2 milhões, entre 2024 e 2027. O gerenciamento desta verba será feito pela Ebserh, ao longo dos próximos quatro anos.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome