Presidente do Sindicato Rural destaca a importância da sustentabilidade para o agronegócio

Fernando Rechsteiner, presidente do Sindicato Rural de Pelotas, destaca que o tema da sustentabilidade é fundamental no evento deste ano. (Foto: Arquivo/JTR)

A 95ª Expofeira Pelotas traz para a discussão em sua Conferência Rural o tema da sustentabilidade. De acordo com o presidente do Sindicato Rural de Pelotas, Fernando Rechsteiner, está muito claro para os produtores que não basta ser eficientes em termos produtivos, de produtividade e rentabilidade, se esta produção não for feita de uma forma sustentável.

“Felizmente, nós temos tido esta preocupação aqui no país. A forma como nós fazemos agricultura, não só no Estado do Rio Grande do Sul, mas em boa parte do país com adoção de plantio direto, rotação de culturas, enfim, nós temos uma forma sustentável de produzir”, salienta.

Ele ressalta que a própria utilização do território brasileiro demonstra isso, quando se compara a utilização, por exemplo, com outras regiões do planeta, como os Estados Unidos e a própria Comunidade Europeia. “O Brasil é exemplo de produção aliada à preservação, com mais de 60% do território ainda em estágio de conservação e apenas 7 a 8% do território sendo utilizado para produção de grãos”, afirma. Segundo ele, a agropecuária brasileira tem mostrado eficiência produtiva e, ao mesmo tempo, com preservação do meio ambiente.

“Nestas áreas que são utilizadas para produção agropecuária, a forma de produção tem sido extremamente sustentável e isso tem se refletido na produtividade, ou seja, os índices de produtividade vêm crescendo ao longo do tempo, com manejo adequado do solo e dos recursos hídricos”, ressalta.

Ele lembra que, na feira, será proposta uma série de discussões, como o uso alternativo de insumos agrícolas, o manejo adequado de solo e a lei por pagamento de serviços ambientais, algo novo, que promove questionamentos entre os produtores. “Estaremos trazendo especialistas em cada uma dessas áreas para que isto possa ser desvendado, clareado para os nossos produtores e eles possam se inserir dentro da questão da sustentabilidade e inclusive adequar, se necessário, a sua atividade, o seu negócio, para essas questões”.

Rechsteiner destaca que o tema da sustentabilidade é fundamental no evento deste ano. “Nós queremos levar até o produtor essas informações da maneira mais eficiente possível, um tema moderno, informações atuais, para que ele possa se enxergar dentro dessa questão do meio ambiente aliado à sua atividade produtiva”, finalizou.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome