Pelotas: Usina de asfalto gera economia de 50% em obra da Guadalajara

Prefeitura pavimentou 1,4 km da avenida com 1,1 toneladas de pavimento feito pela usina. (Foto: Michel Corvello/Prefeitura Municipal de Pelotas)

O uso de asfalto produzido pela usina do município gerou uma economia de 50% nos custos da obra de pavimentação da avenida Guadalajara, no bairro Cohab II, na Zona Norte da cidade. O trabalho é a primeira grande intervenção feita desde que a Usina de Asfalto do município voltou a operar em fevereiro. O custo total do empreendimento foi de R$ 1,4 milhão, o que representa uma economia de 50% com relação ao uso de material produzido por terceiros. A obra consumiu 1,1 toneladas de asfalto de produção própria.

A Secretaria de Obras e Pavimentação (Smop) realizou a pavimentação em um trecho de 1,4 km entre a rua Alfredo Satte Alam e a avenida Ildefonso Simões Lopes, onde o calçamento era de pedras e onde não havia pavimento. Os trechos já pavimentados da avenida foram recuperados.

Com entrega prevista para as próximas semanas, a requalificação da avenida Guadalajara receberá ainda sinalização vertical e horizontal, realizada pela Secretaria de Transporte e Trânsito (STT).

Para moradores como Carmem Silveira e Jorge Almeida a pavimentação é muito positiva. “Está melhor para o ônibus passar, as pessoas ainda estão se acostumando com o asfalto aqui, mas é certo que traz mais segurança para os moradores”, destacou Jorge.

Alterações estão previstas na Ildefonso

A pavimentação continua na avenida Ildefonso Simões Lopes onde, de acordo com a STT, haverá uma modificação no entroncamento da via para acesso à avenida Guadalajara. Os técnicos da STT também estudam uma mudança de sentido do trânsito na Ildefonso, após a conclusão das obras.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome