Prefeitura de Jaguarão decreta situação de emergência por estiagem

Assinatura ocorreu no início desta semana (Foto: Divulgação)

Nesta semana, a Prefeitura de Jaguarão decretou situação de emergência devido à estiagem. Em uma reunião entre poder público e Conselho Agropecuário foram discutidos os prejuízos que a seca está causando aos moradores da zona rural, como a falta de água para consumo humano e de animais.

O longo período de estiagem causa transtornos aos produtores rurais, provocando perdas em várias culturas na área rural.

O laudo técnico circunstanciado, elaborado pela Emater, aponta um prejuízo aproximado de R$ 57.932.936,00 nas safras de milho e de soja, além da produção de leite e bovinocultura de corte.

O decreto autoriza a mobilização de todos os órgãos municipais a trabalharem sob coordenação da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil (COMPDEC) nas ações de resposta ao desastre, reabilitação do cenário e reconstrução.

“Sabemos das enormes perdas e reflexos que estão ocorrendo em função da estiagem e por isso somos solidários aos pequenos produtores. O decreto foi publicado e enviado ao órgão do Estado responsável, agora esperamos a homologação para solicitar auxílio para nosso setor produtivo rural”, destaca o prefeito Favio Telis (MDB).

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome