Em encontro com o governador, municípios selecionados pelo Iconicidades atualizam projetos

Na primeira etapa do Iconicidades, foram contemplados projetos de Pelotas, Rio Grande, Santa Maria, Cachoeirinha e São Leopoldo. (Foto: Gustavo Mansur/Secom)

O governador Eduardo Leite (PSDB) participou, na tarde de terça-feira (8), de um workshop com prefeitos e representantes de municípios participantes do projeto Iconicidades. O encontro, que ocorreu na Casa de Cultura Mário Quintana, em Porto Alegre, contou também com as secretárias da Cultura, Beatriz Araújo, e de Planejamento, Governança e Gestão, Danielle Calazans.

O projeto Iconicidades tem como objetivo tornar as cidades gaúchas mais inovadoras, criativas e empreendedoras, criando ou recriando espaços icônicos. O governo do Estado realizou, em 2022, cinco concursos públicos de arquitetura para selecionar as melhores propostas de intervenção nos espaços apontados pelos cinco municípios contemplados nessa primeira edição (Pelotas, Rio Grande, Santa Maria, Cachoeirinha e São Leopoldo).

As empresas responsáveis pelas propostas foram contratadas pelo Estado e estão desenvolvendo os projetos executivos – necessários para a realização das intervenções –, que serão repassados aos municípios por meio de convênio. As prefeituras ficarão responsáveis por executar as obras e implantar as iniciativas pretendidas para cada um dos locais.

O governador observou que a transformação e a valorização de espaços ajudam na autoestima dos municípios e dos seus moradores. “Não vamos conseguir tocar em tudo e transformar uma cidade inteira, mas, se tocarmos em pontos icônicos, nevrálgicos, isso vai ser percebido pelas pessoas. Assim como em uma acupuntura urbana, essa percepção é irradiada para toda a cidade e muda a sua perspectiva sobre si mesma. Isso também acaba refletindo e mudando a percepção de todo o Estado sobre si mesmo”, disse Leite. “Existem muitos lugares bacanas pelo interior, mas muitas vezes as cidades não têm fôlego para transformá-los em espaços icônicos. Por isso, o governo do Estado está apoiando os municípios com esses projetos”.

O Iconicidades é coordenado pela Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG), por meio do Escritório de Desenvolvimento de Projetos (EDP). A titular da pasta afirmou que os resultados devem fazer da iniciativa uma referência em desenvolvimento e inovação. “A ideia é que o Iconicidades seja um projeto permanente e possa ser implementado em vários outros municípios gaúchos”, destacou Danielle.

A secretária da Cultura, Beatriz Araújo, falou sobre a importância da valorização de espaços para atrair o interesse das pessoas e movimentar a economia local. “Esse projeto foi visto como estratégico desde o início do governo. Hoje, estamos aqui na Casa de Cultura, que é um exemplo de como espaços revitalizados fazem a diferença e podem movimentar uma cidade”, disse.

O Iconicidades busca estimular a inovação e a economia criativa, fomentar engajamento social e empreendedor e, ainda, contribuir para o desenvolvimento socioeconômico. Para isso, selecionou em sua primeira etapa os seguintes projetos:

  • Centro de Gastronomia, Pelotas
  • Ecoparque Turístico Molhes da Barra, Rio Grande
  • Clube dos Ferroviários: Centro de Inovação e Economia Criativa, Santa Maria
  • Complexo Casa de Cultura, Cachoeirinha
  • Complexo Casa da Feitoria/Museu do Imigrante, São Leopoldo

Além de uma atualização do status de desenvolvimento de cada projeto e dos próximos passos, a oficina desta terça-feira incluiu reuniões com as equipes técnicas do Iconicidades e dos municípios para tratar de questões particulares de cada objeto.

Leite explicou que, após a entrega dos projetos contratados pelo Estado, que estão em fase de conclusão, o governo estadual seguirá apoiando as cidades para garantir a execução. “Estamos ao lado dos municípios para encontrar soluções para o financiamento desses projetos. Com aporte de recursos, financiamento ou parcerias, o importante é que isso saia do papel. E é preciso que seja feito de maneira completa. Afinal, estamos falando de espaços que desejamos que sejam icônicos”, ressaltou o governador.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome