Requisitada

Caro leitor!

A psicologia nunca foi tão requerida. Pensando nessa necessidade em tê-la, observo que estamos passando por movimentos diversos, nunca antes visto, pelo menos, não da forma como apresentam-se. Nesses movimentos, encontramos grupos lutando pela vida, quanto grupos que distorcem a realidade como num passe de mágica, colocando em risco, não somente a vida do outro, quanto a sua própria e a do planeta.

Estamos num caos, um caldo difícil de digerir. Ora parece falta de discernimento, ora maldade que estava oculta e ganha forças. Isso tudo não é culpa da pandemia. Pois acredito que, a pandemia trouxe algo que já estávamos vivendo antes, que são os vírus da incredulidade, do ato desumano, das descrenças do saber e da maldade, que antes velada, ganha um líder.

Querer compreender esses movimentos, nos deparamos com a busca do conhecimento da leitura humana, a psicologia. Esta requisitada nos momentos de sofrimento, angustia, desespero e também dos conflitos sociais.

Não basta somente dizer sobre o problema, as pessoas querem a sua causa. Esta existência da incerteza que nos assola, no sentido de não saber o que está por vir, inquieta e angustia aqueles que tem a visão da responsabilidade com a vida.

Gosto do significado da palavra psicologia seu nome deriva dos radicais grego: psique (alma/espirito/mente) e logia, vem de logos (estudo/tratado); o estudo da alma ou o estudo do espírito, da mente humana. Trouxemos na nossa existência, ao estar aqui, a carência de entender para superar as divergências que nos deparamos, cada uma com as suas suplicas. Esse estudo da compreensão da alma, percebemos a vontade deste espirito revelar-se. Tem muita coisa ainda por vir, pois nada está acabado. Até lá, precisamos não somente acreditar, mas também fazer com que tudo mude, para melhor, é claro. Um espirito revelado, é um espirito enobrecedor. Há! Como precisamos de espíritos nobres.

Um brinde com o café!

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome