Em qual Pelotas você mora?

Sérgio Corrêa, jornalista e radialista.

Você mora na Pelotas que proporciona autoestima com grandes condomínios, com bairros planejados ou na Pelotas que perdeu a autoestima?

Vamos falar da Pelotas que perdeu a autoestima, começando pelos bairros, com ruas esburacadas, transporte coletivo, atendimento em saúde, manutenção de prédios escolares, segurança pública e outros serviços que segundo a população são ineficientes e alguns ausentes.

Houve um tempo em que a população dos bairros manifestava sua insatisfação dizendo que a prefeitura cuidava somente do centro da cidade e que bairros e vilas estavam atirados. Atualmente, o centro da cidade num gesto de solidariedade aos bairros, vive situação semelhante.

Às 12h30 da última segunda-feira me deparei com uma cena inacreditável!
A primeira pergunta que me veio a mente foi: o que pensaria um turista ou alguém que veio a trabalho, quem sabe um empresário investidor ao observar um rapaz lavando um balcão de aço inox com pia em pleno calçadão?

Nas ruas que compreendem o calçadão, em alguns locais falta iluminação, as tampas de bueiros deram lugar a pallets de madeira, faltam lajotas no calçamento, em determinados dias falta espaço para circulação de pedestres e sobram ciclistas, skatistas em alta velocidade por entre as pessoas, sobram camelôs e agora temos até lavagem de balcão no calçadão, sem contar as pessoas que dormem de baixo das marquises.

VIOLÊNCIA
Quarta-feira dia 7, próximo das 15 horas, presenciei um gesto de violência no calçadão da rua XV de Novembro em frente a agência da Caixa Econômica Federal. Porém por falta de espaço na coluna vou narrar o fato na próxima edição

DENÚNCIA
Na última quarta-feira (7), o vereador pelotense Cauê Fhuro Souto solicitou espaço no programa Hora Marcada na Rádio Tupanci. O espaço foi concedido e entre perguntas e respostas, o vereador declarou que momentos antes, no plenário do Legislativo pelotense, havia feito uma denúncia, já encaminhada ao Judiciário, a maior denúncia dos últimos 25 anos na área da saúde, relatando porque pessoas estão morrendo em Pelotas por negligência, porque a população não é atendida, gerando uma fila com mais de 54 mil pessoas aguardando procedimentos via SUS, o que representa mais de 15% da população do município.

Em determinado trecho da entrevista o vereador afirmou “é uma denúncia que no meu ver deveria cassar a prefeita Paula, é uma denúncia, um crime de responsabilidade fiscal, um crime de responsabilidade, um crime contra a saúde pública, é algo realmente chocante. Assim, quando as pessoas olharem, as pessoas que perderam algum familiar, que perdeu filho, que tá na fila pra cirurgia há muitos anos, vai entender o porquê que isso acontece em Pelotas”.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome