Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Pinheiro Machado recebe kit com equipamentos digitais

Foto: Divulgação

O Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Pinheiro Machado recebeu, na terça-fera (13), os kits de equipamentos eletrônicos para a implantação do serviço de acesso ao sistema da defesa agropecuária. O projeto é uma iniciativa criada pelo Fundo de Desenvolvimento de
Defesa de Sanidade Animal (Fundesa), Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Sead) e Fetag/RS em parceria com as regionais sindicais.

Ao todo, são 55 sindicatos beneficiados pela ação em municípios de fronteira com até 50 quilômetros de distância da Argentina e Uruguai.

De acordo com o presidente interino do STR, Julio Fernandes Moreira, os equipamentos serão utilizados para a emissão e impressão de Guia de Transporte Animal (GTA) aos agricultores e pecuaristas familiares.

“O Sindicato vai dar suporte aos associados ao realizar serviços que, até então, eram restrito a Inspetoria Veterinária. Os produtores do meio rural enfrentam uma grande dificuldade com o sinal de internet e ao chegarem ao STR vão dispor deste serviço diretamente no balcão de atendimento”, salientou Moreira.

No mês de novembro, a equipe do STR vai realizar um treinamento para a operação do sistema, em Bagé. Logo após, os serviços estarão disponíveis aos sócios.

Para o tesoureiro da Fetag-RS, Agnaldo Barcelos, “este projeto é fundamental para dar condições aos Sindicatos a prestarem mais um serviço ao agricultor e pecuarista. Enquanto entidades, nós [Fetag-RS, o Fundesa e a SEAPDR], precisamos orientar os agricultores, auxiliá-los para a condução do rebanho e melhor manejo da propriedade”.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome