Pelotas sedia o 51º Congresso de Engenharia Agrícola

O evento é promovido, anualmente, pela Associação Brasileira de Engenharia Agrícola. (Foto: Divulgação)

Com o tema “50 anos do profissional engenheiro agrícola: revisitando o passado para transformar o futuro”, a 51ª edição do Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola (Conbea) é sediada em Pelotas, iniciada nesta quinta-feira (27), no Pelotas Parque Tecnológico, com programação que se estenderá até sábado (29), reunindo pessoas da área, com atuação em todo o país e no exterior. O evento é promovido, anualmente, pela Associação Brasileira de Engenharia Agrícola.

O assessor de Projetos Especiais do Município, engenheiro agrícola Luiz van der Laan, prestigiou a solenidade de abertura, representando a Prefeitura, e desejou boas-vindas aos congressistas e visitantes do município. “Pelotas está de parabéns por sediar o 51º Conbea, um dos maiores eventos nacionais científicos do agronegócio, trazendo ao município renomados profissionais da Engenharia Agrícola. Um ótimo momento de trocas e reencontros, após os dois últimos que tiveram de ser realizados on-line, devido à pandemia”, pontuou Van der Laan.

O assessor especial ainda apresentou dados sobre os avanços da produção de grãos no Brasil. Em 1979, era de 41 milhões de toneladas; em 200, 100 milhões; e, em 2022, 271 milhões de toneladas. “A Engenharia Agrícola é a grande responsável por esse crescimento, devido a suas sete áreas de atuação: Construções Rurais e Ambiência; Energia na Agricultura; Engenharia de Água e Solo; Máquinas e Mecanização Agrícola; Ciência e Tecnologia Pós-Colheita; Geomática, Instrumentação e Agricultura de Precisão; e Saneamento e Gestão Ambiental”, observou.

A Prefeitura está inserida na programação do Conbea com a participação do diretor técnico da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Telmo Lena Garcez, e do técnico agrícola Luís Henrique Dias, que abordarão, na sexta-feira (28), o tema “Entre território e desenvolvimento: perspectivas da política municipal de agroindústrias em Pelotas/RS”.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome