Expofeira Pelotas registra recorde em comercialização de estandes

Local terá presença de público durante o evento. (Foto: Divulgação)

Há pouco mais de trinta dias do evento, organização da 95ª Expofeira comemora recorde na procura por espaços físicos. Com o tema Juntos na Retomada, evento voltará a receber público em novo layout para visitação, além da transmissão digital já conhecida na última edição.

Entre as novidades para a 2021, está a construção de um novo projeto focado na experiência do visitante e nos debates coordenados pela tradicional Conferência Rural, maior evento técnico-científico da região sul. “Procuramos guiar o novo formato de visitação seguindo os protocolos sanitários, explorando as marcas dos apoiadores e proporcionando uma estadia segura à comunidade. Tudo isso, com um projeto já protocolado junto à vigilância sanitária em uma construção conjunta com a Secretaria de Saúde de Pelotas. Além disso, estamos construindo um espaço exclusivo no nosso pavilhão Jorge Gertum para os debates da Conferência Rural, que esse ano são focados na troca de experiências sobre tecnologias e sustentabilidade ao setor, onde poderemos receber um número controlado de pessoas com transmissão ao vivo para todo o país”, explica Rodrigo Gonzalez, presidente da Associação Rural de Pelotas.

Os estandes para visitação presencial, assim como os digitais, estão sendo comercializados desde a segunda quinzena de julho e a procura já aponta recorde em relação aos últimos dois anos. Um espaço solidário, destinado às mulheres empreendedoras da região, já faz parte da programação física. Os espaços Diamante, com maior destaque, por exemplo, estão quase esgotados. “Isso reforça não só a relevância do evento, mas a aposta dos setores na normalização das atividades econômicas”, comenta Gonzalez.

Por outro lado, conscientes de que a pandemia ainda não chegou ao fim e atentos à variante Delta, a organização da Expofeira firmou no fim de julho, junto a Secretaria de Saúde e a Vigilância Sanitária de Pelotas, um grupo de apoio para a construção dos protocolos, que deverão receber atualizações até as semanas que antecedem o evento.

“Esse ano, na parte presencial da feira, todos os protocolos estão sendo desenvolvidos com a organização do evento e a Vigilância Sanitária do município, para que todos os participantes possam se sentir realmente tranquilos e seguros”, aponta a titular da pasta da Saúde, Roberta Paganini.

A comercialização dos espaços acontecerá até o dia 17 de setembro, podendo encerrar a qualquer momento de acordo com o número de vagas preenchidas.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome