Pelotas: Associação Escola Louis Braille completa 72 anos nesta segunda-feira (10)

A instituição atualmente presidida por Dilmar Rodrigues vive um momento de ampliação de seu espaço. (Foto: Divulgação)

Funcional e jovem, aos 72 anos, sem perder seu foco e missão. É assim que a instituição Associação Escola Louis Braille, fundada em 10 de junho de 1952 pela professora Lory Huber, completa mais um aniversário na sua caminhada de atendimento gratuito a deficientes visuais, cegos e visão subnormal, de Pelotas mais 27 municípios da Metade Sul do Rio Grande do Sul.

Em formato de entidade associativa desde os anos 1970 a entidade vive em constante busca de alternativas para atender da melhor forma seu crescente público de múltiplas necessidades especiais, na construção de um mundo alicerçado na dignidade humana e cidadã de crianças desde sua primeira infância, jovens, adultos e idosos.

A instituição atualmente presidida por Dilmar Rodrigues vive um momento de novas perspectivas. A antiga sede na rua Andrade Neves, 3.084, está em fase de ampliação de seu espaço com a construção de um segundo piso e moderna área de múltiplas atividades. A expectativa é por sua conclusão total em cerca de um ano. Enquanto isso, o atendimento administrativo, parcial-pedagógico e telemarketing funcionam na rua doutor Cassiano, 152, entre as ruas Gonçalves Chaves e Félix da Cunha, imóvel gentilmente cedido por Nailê Russomano.

O material da obra foi doado pelo Instituto Pró-Vida, de São Paulo. O Centro de Reabilitação Visual (CRV) permanece no mesmo endereço, na rua Padre Felício, 330. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (53) 99117-4378 e 99967-2789.

De acordo com o presidente Braille, sem perder o foco de sua missão social, compromissos e transparência social, a Associação Escola Louis Braille mantém a concentração nos anseios do seu público-alvo enquanto revitaliza sua proposta de crescimento, modernização e determinação nas atividades inerentes à função para a qual foi criada.

Dilmar Rodrigues, o atual presidente da associação. (Foto: Divulgação)

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome