Pelotas: Prefeitura contrata 410 vagas para Educação Infantil

Contratos estabelecidos com instituições de ensino privado devem representar a queda de 30% no déficit atual. (Foto: Reprodução)

A Prefeitura de Pelotas firmou, na segunda-feira (24), a aquisição de 410 novas vagas destinadas à rede de Educação Infantil do Município. O contrato estabelecido com dez instituições de ensino privado, conforme Edital de Credenciamento 01/2023, representa a redução de 30% no déficit atual. A distribuição das vagas deve ser realizada a partir da quinta-feira (27), seguindo a ordem da lista de suplentes das escolas municipais e considerando o território de localização da unidade estudantil credenciada.

A secretária de Educação e Desporto, Adriane Silveira, explica que, considerando a necessidade de aquisição de novas vagas, o edital de credenciamento seguirá aberto até o mês de novembro. “A compra de novas vagas supre 30% das necessidades atuais da rede municipal de ensino. Por essa razão, o edital ficará em aberto até novembro, permitindo que outras instituições particulares possam concorrer ao credenciamento para realização de compras de vagas. Pretendemos atender o déficit de vagas do município que é de 1.356”, comenta a gestora.

A designação e o chamamento de crianças de zero a três anos, que correspondem ao Berçário I, Berçário II, Maternal I e Maternal II, serão realizados pela Diretoria de Administração Escolar/Smed, que entrará em contato direto com os responsáveis pelo aluno. Para as crianças de quatro e cinco anos, que aguardam vaga para as modalidades Pré-escola, Pré I e Pré II, o contato de designação deve ser realizado pela Central de Matrículas.

De acordo com a Secretaria de Educação e Desporto (Smed), todas as instituições conveniadas devem fornecer aos alunos, além de atendimento pedagógico, o material para a realização das atividades, bem como, alimentação balanceada, orientada por nutricionistas, considerando o número mínimo de cinco refeições para o turno e integral e duas para o turno parcial.

Todas as vagas serão analisadas e distribuídas de acordo com a ordem ocupada pela criança na lista de suplência gerada durante o período regular de inscrição para as escolas da rede pública. A expectativa é que, após a designação e a efetivação da matrícula pelos responsáveis, as aulas já sejam iniciadas.

Confira as escolas conveniadas
Escola de Educação Infantil Crescer Brincando – 39 vagas
Escola de Educação Infantil Castelo Branco – 102 vagas
Escola de Educação Infantil Casa da Alegria – 50 vagas
Escola de Educação Infantil Caminho do Saber – 25 vagas
Escola de Educação Infantil Creche da Criança – 20 vagas
Escola de Educação Infantil Gesc – 40 vagas
Escola de Educação Infantil Horizonte da Criança – 50 vagas
Escola de Educação Infantil Montessori – 20 vagas
Escola de Educação Infantil Pouca Idade – 52 vagas
Escola de Educação Infantil Meu Pequeno Paraíso – 12 vagas

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome