Pelotas: Semana Farroupilha vai ter tablado coberto e fandangos

Vice-prefeito Idemar Barz em reunião com Entidades e Instituições para tratar do desfile da Semana Farroupilha (Foto: Michel Corvello/Prefeitura de Pelotas)

Na tarde dessa terça-feira (13), o vice-prefeito Idemar Barz e o coordenador da 26ª RT(Região Tradicionalista), Márcio Adir Corrêa, conduziram, no Paço Municipal, uma reunião preparatória das festividades da Semana Farroupilha, que este ano terá diversas novidades. Além do tradicional desfile de 20 de setembro na avenida Bento Gonçalves, toda a semana de 14 a 20 terá uma intensa programação cultural no Rancho da Paz — pelo terceiro ano consecutivo no Largo do Mercado (Edmar Fetter), no Centro Histórico de Pelotas, para descentralizar as festividades e aproximá-las da comunidade. Neste ano, contudo, o Rancho será montado sobre um tablado coberto de 8 X 24 metros, cujas laterais poderão ser fechadas, em caso de frio rigoroso ou chuva.

A estrutura será cedida pelo Exército, parceiro do evento que enaltece a tradição gaúcha. No tablado serão realizadas uma série de atividades culturais, ao longo de toda a semana, tais como apresentações das invernadas artísticas dos CTGs, missa, Audiência Crioula, Sessão da Câmara de Vereadores e bailes. Outra novidade dessa edição será a realização de fandangos embalados por conjuntos musicais.

Durante toda a madrugada, da meia-noite às 8h, haverá ronda realizada pelos CTGs e outros grupos tradicionalistas. A ideia é que haja um fogo de chão permanente, que mantenha o ambiente aquecido da forma tradicional gauchesca. O desfile Farroupilha, na manhã de 20 de setembro, terá entre 200 e 250 cavalarianos – todos vão passar por inspeção estadual e somente poderá participar aqueles que receberem o selo de vacinação em dia –, carretas e pessoas a pé, pilchadas, além de participação dos colégios Militar Tiradentes e Municipal Pelotense (CTG Sinuelo do Sul) e da Escola Municipal Frederico Ozanan.

A 26ª RT é composta por Pelotas, Capão do Leão, Turuçu, Arroio do Padre e Morro Redondo. Participaram da reunião representantes das secretarias de Cultura (Secult), Transporte e Trânsito (STT), Educação e Desporto (Smed) e Segurança Pública (SSP); do 4º BPM; dos Bombeiros; do Colégio Tiradentes; e da Inspetoria Veterinária da Secretaria Estadual de Saúde; e Veteranos da Polícia do Exército.

Chama: tradição de 83 anos

Em Pelotas, o processo que envolve as chamas da Pátria e Crioula já dura 83 anos. A Chama da Pátria é acesa, na cidade, no dia 20 de agosto e permanece no Altar da Pátria (Parque Dom Antonio Zattera) até o dia 7 de setembro, quando uma centelha do fogo simbólico é conduzida por um grupo de cavalarianos, após o desfile cívico-militar de 7 de Setembro, ao 9º Batalhão de Infantaria Motorizado (BIMtz), no Fragata.

No dia 14 de setembro, chega a Pelotas a Chama Crioula, trazida desde Tenente Portela, à distância de 600 quilômetros, por um grupo de cavalarianos, e levada ao Altar da Pátria. No mesmo dia, uma centelha do fogo que estava no 9º BIMtz é fundida à Chama Crioula – o restante é apagado, no Quartel —, que permanece no Altar da Pátria até o dia 20 de setembro. Ainda no dia 14, centelhas da Chama Crioula são distribuídas entre as entidades tradicionalistas, que a resguardam com ronda até o dia 20. Uma centelha também vai para o Rancho da Paz, no Largo do Mercado, e, outra – novidade deste ano –, será levada ao Shopping Pelotas.

Shopping quer abraçar a tradição

Embora seja um empreendimento privado, o Shopping Pelotas procura se inserir, cada vez mais, nas comemorações do município e, esse ano, quer participar também das festividades da Semana da Pátria. “O Shopping Pelotas é uma vitrine para todos e nossa intenção é que não seja somente um centro comercial, mas também um centro de entretenimento e lazer para os pelotenses. Queremos incentivar a cultura e estar cada vez mais presentes na comunidade”, disse a coordenadora de Marketing do Shopping, Simone Ponce, em reunião com Idemar e Márcio Corrêa, na mesma tarde.

Paulista, Simone mora em Pelotas há um ano e ficou tão entusiasmada com os costumes e tradições gaúchas que se empenhou para poder levar uma centelha da Chama Crioula para o centro comercial – respeitando todas as exigências da tradição. “Queremos trazer as tradições para dentro do Shopping.” A equipe de Marketing está organizando uma ampla programação especial tradicionalista, que será desenvolvida de 27 de agosto a 20 de Setembro. A parceria com a Prefeitura e a 26ª RT foi confirmada e algumas festividades devem ocorrer dentro do Shopping.

Enviar comentário

Envie um comentário!
Digite o seu nome